Home Notícias BH PBH promete inaugurar a primeira Umei da atual gestão neste mês; plano é ativar 26 unidades em quatro anos

PBH promete inaugurar a primeira Umei da atual gestão neste mês; plano é ativar 26 unidades em quatro anos

A Prefeitura de Belo Horizonte promete inaugurar ao final de fevereiro a primeira Umei (Unidade Municipal de Educação Infantil) da atual gestão. Segundo adiantou a Secretaria Municipal de Educação ao Bhaz, a unidade a ser implementada no bairro Sagrada Família, na Zona Leste da capital, atenderá a crianças de 4 e 5 anos com a abertura de 180 vagas.

Essa será a 130ª unidade de educação infantil em Belo Horizonte, conforme informou a pasta. Com isso, o prefeito Alexandre Kalil (PHS) dá o primeiro passo para cumprir uma das principais promessas de campanha: ativar 26 Umeis ao longo do mandato, ainda que utilizando estruturas já existentes, por meio da ampliação de parcerias com o setor privado.

Entretanto, a administração municipal não soube informar se o número de unidades educacionais previsto no plano de governo será suficiente para saldar o déficit de 17 mil vagas para crianças de 0 a 3 anos existente em Belo Horizonte — conforme dados da própria Secretaria de Educação.

Nesta quarta-feira (1°), o chefe do Executivo recorreu às redes sociais para comunicar que a atual gestão abriu 1,2 mil novas vagas no sistema municipal de educação infantil desde o início do ano. Isso foi possível sem que novas unidades precisassem ser construídas, já que vagas identificadas como ociosas — que eram ocupadas somente em período parcial (manhã ou tarde) — foram transformadas em período integral em 30 Umeis que haviam sido ativadas durante a gestão de Marcio Lacerda (PSB).

Nova unidade

A primeira Umei da atual gestão será inaugurada na rua Costa Monteiro, no bairro Sagrada Família. A previsão da prefeitura é de que a unidade esteja em funcionamento até 13 de fevereiro próximo. As 130 vagas que serão abertas atenderão a crianças de 4 a 5 anos apenas em período parcial, segundo informações da Secretaria Municipal de Educação.

Creches

Para o atendimento de crianças de 0 a 3 anos, entretanto, a pasta adiantou que um edital para a celebração de convênios com creches de Belo Horizonte será publicado na próxima semana — o dia exato não foi informado. A estimativa é de que os cadastros de novas unidades resultarão na abertura de 1,2 mil novas novas vagas na capital.

A pasta esclareceu, no entanto, que essa previsão inicial do número de vagas poderá oscilar para mais ou menos, já que cada creche tem capacidade de atendimento diferente. Ainda segundo a secretaria, o edital funcionará como um processo seletivo, pelo qual as unidades interessadas serão cadastradas, embora a celebração do convênio ficará dependendo da avaliação da Gerência de Funcionamento Escolar — órgão subordinado à Secretaria Municipal de Educação.

Comentários

Guilherme Scarpellini

Guilherme Scarpellini é redator de política e cidades no Portal Bhaz.

Carregar mais em BH