Home Seções Farsa ou Fato [Farsa ou Fato] Reservistas de BH são convocados para atuar no Espírito Santo?

[Farsa ou Fato] Reservistas de BH são convocados para atuar no Espírito Santo?

O governo federal autorizou na segunda-feira (6) o envio das Forças Armadas e Força Nacional para conter a onda de violência no Espírito Santo. Na esteira desse anúncio, começou a circular nas redes sociais a cópia de um comunicado da 4° Região Militar do Exército Brasileiro convocando reservistas a se apresentarem, “em caráter de prontidão”, à sede do comando.

“Tendo em vista futuros atos de desordem social, é hora do reservista mostrar o seu brio colaborando para a manutenção da paz e ordem municipal”, diz um trecho do documento, que ordena a apresentação individual de reservistas a partir desta terça-feira, às 7h, no Comando da 4° Região Militar.

Assinado pelo “General de Divisa, Walmir Almeida Schneider”, a suposta convocação vem sendo amplamente replicada em grupos de WhatsApp e no Facebook. “A coisa está ficando feia!! Convocação de reservistas”, diz uma usuária da rede social ao compartilhar a imagem. “Aos reservistas, fiquem espertos para convocação”, alerta outro na rede social.

O Comando da 4° Região do Exército Militar, com sede em Belo Horizonte, é uma das 12 regiões militares do país. Desde 2015, o General de Divisão Walmir Almada Schneider Filho está à frente do comando, conforme informações do próprio Exército Brasileiro.

Dito isso, os belo-horizontinos reservistas estariam realmente convocados a se unirem às Forças Armadas e Força Nacional nas ruas do Espírito Santo?

Farsa ou Fato?

O Bhaz resolveu tirar essa história a limpo e conversou com o coronel Julio Cesar Alves Rolszt, porta-voz da 4° Região do Exército Militar. “O documento é falso. Primeiramente porque o padrão do texto não corresponde ao utilizado pelo Exército Brasileiro. Segundo porque há erros de grafia, como no próprio nome do general e também porque a 4° Região não responde pelos Estados do Rio de Janeiro e Espirito Santo conforme diz esse documento falso. Responde somente a Minas Gerais”, esclareceu o coronel Rolszt.

Por fim, o porta-voz do comando explicou que não existe “General de Divisa”, como descrito abaixo da suposta assinatura, mas sim, General de Divisão.

O Exército Brasileiro também se manifestou, por meio da conta no Twitter, sobre a inautenticidade do documento. “Falso documento sobre convocação de reservistas está sendo divulgado nas redes sociais”, diz a publicação.

 

Diante disso, não faltam evidências de que a convocação de reservistas da 4° Região Militar do Exército Brasileiro trata-se de uma FARSA.

Comentários

Guilherme Scarpellini

Guilherme Scarpellini é redator de política e cidades no Portal Bhaz.

Carregar mais em Farsa ou Fato