Home Carnaval 2017 Testes rápidos para DSTs são oferecidos gratuitamente após Carnaval

Testes rápidos para DSTs são oferecidos gratuitamente após Carnaval

O aumento do risco de contaminação pelas doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) durante o Carnaval é, anualmente, uma preocupação do poder público. Após apostar em campanhas que focaram na importância do uso da camisinha durante os dias de folia, o governo aposta agora em outra ferramenta para combater tais doenças: a realização do teste rápido.

Oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e gratuita para toda a população, a testagem rápida de DSTs realiza o diagnóstico da presença de vírus como HIV (causador da AIDS), HPV, da Herpes, entre outros.

Em Minas Gerais, é possível realizar em todas as Unidades Básicas de Saúde ou serviços ambulatoriais conveniados ao Sistema Único de Saúde (SUS). O teste também está disponível nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA), presentes em 62 municípios de Minas Gerais. Clique aqui para consultar a unidade mais próxima de você.

A campanha do governo estadual para a realização do teste de HIV foi denominada “A pior ressaca é não saber: se você não se preveniu no Carnaval, faça o teste de HIV” (Reprodução/Agência Minas)

O teste é recomendado, principalmente, para quem se expôs a comportamento de risco. É considerado ‘comportamento de risco’ aquele praticado por qualquer pessoa que tenha relação sexual sem o uso de preservativos, ou que compartilhe seringas e agulhas, ou reutilize objetos perfurantes ou cortantes com a presença de sangue ou fluídos contaminados.

“O ideal é realizar os testes rápidos 30 dias após sexo inseguro ou algum outro comportamento de risco. Quanto mais precoce o diagnóstico melhor, porque a pessoa pode ter acesso mais rápido aos serviços de saúde, entrar em tratamento, e ficar menos tempo exposta ao vírus. Isso melhora a qualidade de vida e a resposta ao tratamento”, explica a Coordenadora do programa de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), Aids e hepatites virais da Secretaria Estadual de Saúde, Jordana Costa.

Com Agência Minas

Acompanhe o Bhaz também no Youtube assinando nosso canal.

Comentários

Rodrigo Salgado

Rodrigo Salgado é jornalista e redator no Portal Bhaz.

Carregar mais em Carnaval 2017