Home Notícias BH Casal rastreia celular roubado, persegue suspeitos e acaba com esquema de venda de aparelho furtados

Casal rastreia celular roubado, persegue suspeitos e acaba com esquema de venda de aparelho furtados

Uma tentativa de roubo de celular terminou mal para três homens na madrugada desta segunda-feira (7). Dois suspeitos roubaram o celular de uma jovem no cruzamento da avenida João César de Oliveira com rua Portugal, no bairro Glória, em Contagem, na região metropolitana da capital. Porém, a mulher e o namorado dela rastrearam o celular e perseguiram os autores. A dupla e um terceiro homem, que seria o receptador do aparelho, foram presos.

Após rastrear o celular, a mulher conseguiu localizar os suspeitos em um posto de gasolina no Bairro São Benedito, em Santa Luzia. Os homens estavam em um veículo Gol preto. O casal perseguiu os suspeitos até uma casa na rua Pará, ainda no bairro São Benedito. No local, o casal acionou a Polícia Militar (PM) que conseguiu prender dois criminosos, ambos de 30 anos.

Ao revistar a casa, além de diversos celulares e pertences da vítima, a PM apreendeu três pinos de cocaína, seis buchas de maconha, três munições calibre 22, material para dolagem das drogas e uma tornozeleira eletrônica.

Além disso, a polícia encontrou chips de celular e vestígios de cocaína dentro de um vaso sanitário. Fato que indica que os suspeitos tentaram se livrar dos objetos. Um dos suspeitos tinha um mandado de prisão em aberto.

Os homens confessaram o crime e disseram que venderam o celular para um terceiro rapaz. Os militares foram até a casa dele. No local, ele negou o fato, mas o celular foi encontrado debaixo do colchão junto com R$ 3,5 mil.

O receptador confessou que comprava celulares roubados pelos criminosos por um preço abaixo do mercado e revendia. Na casa do homem foram encontrados chips de celular, um documento de identidade e uma CNH roubados.

O celular e pertences da vítima foram recuperados. O carro usado pelos criminosos foi recolhido para o pátio e os três presos em flagrante. O caso agora segue sob responsabilidade da Polícia Civil.

Comentários

Rafael D'Oliveira

Jornalista e redator do portal Bhaz

Carregar mais em BH