Home Patrocinado CHOPP DO BEM chega com 5 horas de open bar com 10 rótulos de chopes artesanais Backer; vai encarar?

CHOPP DO BEM chega com 5 horas de open bar com 10 rótulos de chopes artesanais Backer; vai encarar?

#Publipost – Esta publicação é patrocinada

O Distrital em parceria com a Cervejaria Backer estará realizando a primeira edição do evento Chopp do Bem. A festa será no Distrital do Cruzeiro, a partir das 19h30 e terá cinco horas de open bar, com 10 rótulos distintos de chopes artesanais da Cervejaria Backer. O evento tem apoio da rede de Hotéis Ibis, do SOUBH e Cabify.

Chopp do Bem tem como conceito promover a experiência da degustação de cervejas artesanais, acompanhadas do melhor da comida de buteco e muita música brasileira, entendida em toda a sua diversidade. A cada edição além de 10 rotulos distintos da premiadíssima Backer, orgulho das cervejarias mineiras, um famoso boteco da cidade trará seus melhores pratos para dentro do Distrital, numa festa de sabores jamais vista na cidade.

Além de festa, o projeto também quer abraçar causas que possam levar as pessoas a terem novas atitudes, a realizar pequenos gestos que provoquem mudanças no seu entorno mais imediato e desenvolvam uma nova consciência, até mesmo durante uma balada. Neste primeiro evento, o projeto “Backer Plantando o Bem” convoca as pessoas a participar diretamente, sendo protagonistas do projeto, levando o seu copo descartável para casa com terra e uma semente de árvore do Cerrado. Ao invés de simplesmente jogar o copo no lixo ou no chão, o usuário irá plantá-lo no jardim ou canteiro da sua casa ou apartamento. A pessoa poderá levar para casa este “copo árvore” ou deixá-lo no Distrital. Juntamente com a Cervejaria Backer será realizado o replantio desta muda em alguma parte do Cerrado. Vamos divulgar o dia e onde está semente será plantada. “O que realmente queremos é que cada pessoa leve para casa sua árvore e se conscientize que não é preciso muito para mudar de atitude, não é preciso mudar o mundo, podemos começar melhorando nossa casa, nossa comunidade, ou seja, o local onde vivemos e nos relacionamos”, explica Paula Lebbos, uma das diretoras da Cervejaria.

A seleção de cervejas foi escolhida especialmente para agradar a todos os gostos, e percorrem as diversas escolas cervejeiras. Vale a pena conhecer mais antecipadamente para que a experiência cervejeira  no evento seja completa.

A noite pode ser iniciada com a Backer Pilsen, feita de puro malte, com coloração marcante e suave paladar, baixa fermentação e sabor refrescante e passar para a Capitão Senra, extremamente leve e saborosa, tem como uma de suas principais características um sabor suave seguido de um amargor moderado.

Já a Pale Ale é uma cerveja típica inglesa, ruiva, encorpada, de amargor profundo e alta fermentação, como as clássicas Ales belgas.

A Exterminador de Trigo é envasada sem filtrar. O que significa isso? Trigo muito trigo. A Exterminador vem de uma série extreme, com lúpulos americanos e adição de capim limão como matéria prima nacional. Cada gole é como domar um crocodilo: a sensação é única.

A Bravo, o nome já diz muito sobre a Bravo. Maturada em barris nacionais de umburana, possui aromas fortemente amadeirados, além de chocolate amargo e café. Com a coragem e bravura dos caubóis, ainda apresenta notas tostadas que encaram muito bem o paladar.

A Tommy Gun é poder de fogo. Com cinco tipos de maltes importados e aromas frutados, mantém a tradição da família Las Mafiosas. Esse integrante tem uma quantidade extra de lúpulos no caráter que o torna amargo, bem amargo. Com Tommy Gun, cada gole é muito e todo cuidado é pouco.

A Pilsen Três Lobos com potássio, cálcio e ferro. Três vitaminas, Três Lobos e um ingrediente especial: açúcar mascavo. Uma forte lupulagem de variedades americanas completa a receita dessa American Pilsen.

O encorpado chefe da família responde pelo nome de Corleone. Um dia, cinco maltes nobres resolveram se juntar a cinco variedades de lúpulo. Tantos ingredientes deram a Corleone uma personalidade mutável e instável; ora amargo e cítrico, ora doce e caramelado, o lobo ainda passeia pelas notas terrosas e torradas. O último sabor é seco. O chefe da família também.

Essas são algumas das cervejas que estarão presentes ou podem ser substituídas por outras, a critério do Mestre Cervejeiro Sandro Duarte. Já que a produção é artesanal, nem sempre todos os rótulos da Backer estarão disponíveis nas datas dos eventos, mas pelo menos dez deles visitarão o evento a cada noite.

Brasilidades

A seleção musical promete mais de 10 horas de muita música brasileira vai atrair os amantes da boa música com as apresentações das bandas de samba-rock de Joãozito e a Parceria e a Banda Raga Mofe, com o axê retrô do nosso querido Heleno Augusto (Havainas Usadas). Os DJs Adair Groove (famoso pelo seu Baile da Teresa) e Dj Nest, comandam a noite com seus setlist impecáveis com o melhor da musicalidade brasileira da atualidade.

A banda Joãozito a e Parceria. Balanço. Essa palavra é a síntese do som de “Joãozito e A Parceria”. Seja no samba rock, na gafieira, na bossa nova, no afro-samba… O suingue é o fio condutor do repertório. Assim como João Bosco, Clara Nunes, Ary Barroso, entre outros, a banda é prova que Minas é um grande berço de samba. Os fundadores são os percussionistas Guilherme Santos, Geléia Parceria e Joãozito, guitarrista e idealizador. Acompanhando a banda estão os músicos da UFMG Osmar Furtado no sax, Gabriel Aquino no trompete, Maurinho Trombone, Orlando Belo no trombone e Rodrigo Magalhães no baixo. Para completar o time estão o saxofonista Evaldo Milagres e Sirley Rossi na bateria. Os dois últimos com experiência nacional e internacional, com nomes como Gilberto Gil, Carlos Lira, Roberto Menescal, Bebel Gilberto, Leni Andrade, Wanda Sá, Ivan Lins, entre outros.

Já a Raga Mofe relembrando os maiores sucessos do axé e do pagode dos anos 90. Formada por Heleno Augusto (voz), Gustavo Grieco (bateria), Augusto Seixas (baixo) e Pablo Malta (guitarra) tem um repertório que mexe com a memória afetiva do público, resgatando canções e coreografias que marcaram uma geração. Músicas como “A Luz de Tieta”, “Pimpolho” e “Carrinho de Mão”, por exemplo, não podem faltar nos shows.

Como participar

A 1°edição do Chopp do Bem é uma festa open bar e por isso sua classificação é de 18 anos. Os ingressos estão divididos em lotes:

– R$ 60 promocional feminino e R$ 60 promocional masculino (somente via Sympla)
– R$ 70 1º lote feminino e R$ 70 1º lote masculino
– R$ 80 2º lote feminino e R$ 80 2º lote masculino
– R$ 90 3º lote feminino e R$ 90 3º lote masculino
– R$ 100 4ºfeminino e R$ 100 masculino 4º lote masculino
– R$ 110 5ºfeminino e R$ 110 masculino 5º lote masculino
– R$ 120 feminino e R$ 120 masculino (portaria/dinheiro)
– R$ 130 feminino e R$ 130 masculino (portaria/cartão)

Eles podem ser comprados online via Sympla ou nos pontos de venda físicos: Distrital (dentro do Mercado Cruzeiro – de segunda a sexta, das 10h às 18h), LAICOS (Rua Ceará, 1.580, Savassi – de segunda a sábado, das 17h às 00h) e no 80 Bar (Rua Paraíba, 1338, Savassi – de terça a sexta, das 18h às 0h).

 

1° Edição Chopp do Bem

Data: 23 de setembro de 2017 – sábado
Horário: 19h30 às 5h (cinco horas de open bar – 19h30 até 0h30)
Local: Distrital (Mercado Distrital do Cruzeiro)
Endereço: Rua Opala s/n° – Cruzeiro

Pontos de venda: Sympla ou nos pontos físicos no Distrital, Laicos e no 80 Bar na Savassi.

Mais informações: (31) 3284-0709 wpp (31) 9 8701-7000

Comentários

Carregar mais em Patrocinado