Home Notícias BH Mulher denuncia ex-marido por espionagem e é morta por ele dentro de viatura

Mulher denuncia ex-marido por espionagem e é morta por ele dentro de viatura

Uma mulher de 30 anos foi assassinada pelo ex-marido dentro de uma viatura policial em Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri. O crime aconteceu na tarde desse sábado (7). A mulher seguia para uma delegacia para denunciar o homem por espionagem. Ele instalou uma câmera na casa dela para vigiar a ex-mulher e seu filho de oito anos.

A mulher estava tomando banho quando descobriu a câmera. O parelho estava conectado em um computador que estava escondido na laje da casa.  O equipamento estava gravando o que a mulher e a criança faziam no banheiro.

O homem de 34 anos foi preso e confessou o crime. Segundo ele, a câmera foi instalada por ciúmes. O computador e a câmera foram apreendidos e a vítima e o suspeito foram conduzidos para a delegacia.

Os dois estavam no banco de trás da viatura. Por não ter passagens pela e por não ter demonstrado comportamento agressivo, o homem não estava algemado.

Entretanto em uma avenida, no trajeto para a delegacia, o homem pegou uma faca e deu um golpe no pescoço da ex-mulher. Ele ainda deu dois golpes de faca contra ele mesmo e pulou da viatura em movimento. Ele foi preso.

A mulher foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas chegou ao hospital sem vida.

A polícia não explicou de onde o homem tirou a faca. Os militares alegaram que fizeram busca pessoal no agressor e não havia nenhuma arma com ele. Por isso, o homem ficou no banco de trás da viatúra, junto a vítima. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Comentários

Carregar mais em BH