Home Guia Bhaz Boas gargalhadas: programação de teatro tem muitas opções de comédia

Boas gargalhadas: programação de teatro tem muitas opções de comédia

A programação de teatro está recheada de espetáculos. Para que você possa se programar, o Bhaz preparou uma listinha das peças que estão na cidade. São 10 peças – quase todas são de comédia. Então, se prepare para dar ótimas gargalhadas nos próximos dias. Confira a programação:

Maurício Meirelles – Levando o Caos

Mauricio Meirelles estreia, em turnê pelo Brasil, seu novo show de stand up “Levando o Caos”. Com 90 minutos de apresentação, o humorista continua abordando temas mais profundos, de forma madura e sempre bem humorada, baseado na sua vivência. Seus textos novos falam sobre depressão, feminismo dentro e fora do casamento, formas de criação dos animais domésticos, a gravidez da esposa e preconceitos que todos possuem, entre outros. Depois de apresentar seu stand-up, na parte final do espetáculo, Meirelles quebra as quatro paredes do teatro com sua interatividade e improviso fazendo com que cada show seja único (14 anos).

(Divulgação)

Quando? Sexta-feira (10), às 21h

Valor? Plateia I – R$ 90 inteira | R$ 45 meia
Plateia 2A – R$ 80 inteira | R$ 40 meia
Plateia 2B – R$ 50 inteira | R$ 25 meia

Onde? Cine Theatro Brasil Vallourec – Avenida Amazonas, 315 – Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

A Inocência está Perdida

Em “A Inocência está Perdida”, Matheus Ceará volta às suas origens, revelando uma realidade muito diferente dos dias de hoje. O humorista relembra as histórias de sua infância, incluindo os causos de seus avós, Seu Antenor e Dona Leonora, e as experiências vividas com a sua esposa, Maria Caranguejo, e seus filhos, Waldisney e Disneylandia. Além das surpreendentes lembranças, que prometem muitas gargalhadas, Matheus Ceará apresentará o novo “Quadro da Máscara”, que contará com a participação da plateia (16 anos).

(Divulgação)

Quando? Domingo (12), às 19h

Valor? Plateia I – R$ 80 inteira | R$ 40 meia
Plateia II – R$ 80 inteira | R$ 40 meia

Onde? Cine Theatro Brasil Vallourec – Avenida Amazonas, 315 – Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

Gente, a Lili sumiu

Lili, a menina que sempre faz o que quer porque “sua mãe deixa”, sumiu misteriosamente. Quem será o responsável por seu sumiço? A hilária e não menos intensa Meire Caixeta o ou ingênuo e atrapalhado Seu Manel? Teria Cynthia, a apresentadora defensora da moral e dos bons costumes algo a ver com isso? Alguns suspeitam que Marcos Paulo, um deslumbrado roqueiro anônimo, teria raptado a menina por inveja de sua fama. Assim é “Gente, a Lili Sumiu!”, a divertida comédia interpretada pelo talentoso e versátil ator Eraldo Fontiny, que se desdobra fazendo todos os suspeitos personagens dessa engraçada e imperdível história, além de Lili, a personagem que o consagrou para todo o Brasil (14 anos).

Quando? Terça-feira (14), às 21h

Valor? R$ 30 inteira | R$ 15 meia

Onde? Cine Theatro Brasil Vallourec – Avenida Amazonas, 315 – Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

Altos e Baixos

A partir da diferença de altura entre os atores Bruno Albertini (2,05 m) e Marino Canguçú (1,50 m) surgiu a ideia para a peça “Altos e Baixos”, que conta com muita irreverência a história de dois amigos que se encontram para falar das vantagens e desvantagens de ser alto demais ou baixo demais. Em cena, Bruno e Canguçú acabam revelando histórias que vivenciaram ao longo da vida, desde a infância aos dias atuais, e vão se desdobrando em vários personagens, passando por situações hilárias e garantindo ao público muitas gargalhadas e diversão (12 anos).

(Divulgação)

Quando? Terça-feira (14) e quarta-feira (15), às 20h

Valor? R$ 40 inteira | R$ 20 meia

Onde? Teatro de Bolso Sesiminas – Rua Padre Marinho, 60 – Santa Efigênia, Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

Ondas de Onde Parto

Uma mulher é uma árvore que gera frutos e raízes fortes e nancestrais. Ao mesmo tempo, cria ciclos perenes, como as ondas latentes, que morrem quando chegam em terra firme. Uma atuante narra, através de cartas e de seu corpo poético aéreo em desequilíbrio, a trajetória intimista de espera da criança em seu ventre, até o parto, e às mudanças de sua identidade, com a chegada da nova vida. Ela se lança ao abismo e festeja o encontro da mulher que nasce dentro mulher que morre (16 anos).

(Divulgação)

Quando? Sexta-feira (10) e sábado (11), às 20h | Domingo (12), às 19h

Valor? R$ 10 inteira | R$ 5 meia

Onde? Teatro de Bolso Sesiminas – Rua Padre Marinho, 60 – Santa Efigênia, Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

Coisas Boas Acontecem de Repente

A personagem Mamacy diz o que lhe vem à cabeça sobre o feminino, a passagem do tempo, a saudade do filho, os poetas preferidos, suas músicas, falhas e manifestos. E sem rede de segurança. Cynthia Paulino dirige, escreve e atua na peça, que ainda conta com manifestos, músicas, entrevistas e textos da cantora, compositora, performer e artista visual Karine Alexandrino, a Mulher Tombada (12 anos).

(Divulgação)

Quando? Sexta-feira (10), às 20h | Sábado (11), às 20h | Domingo (12), às 18h

Valor? R$ 20 inteira | R$ 10 meia

Onde? Teatro João Ceschiatti  Palácio das Artes – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

Ingressos? Vendas online

Concertos para Bebês Brasil

Inspirado no espetáculo português Concertos para Bebês, de Paulo Lameiro, a montagem brasileira proporciona o diálogo artístico com essas crianças e se propõe a fazê-lo com seus acompanhantes adultos, pois, ao estarem fisicamente próximos dos bebês, certamente influenciarão no seu envolvimento com o espetáculo. O repertório musical é composto por composições brasileiras desde o século 18, como Lição de Solfejo XXIII, de Luiz Alvares Pinto, aos dias de hoje (Livre).

(Divulgação)

Quando? Sábado (11) e domingo (12), às 11h

Valor? R$ 30

Onde? Teatro Francisco Nunes – Av. Afonso Pena, s/n – Centro, Belo Horizonte 

Ingressos? Simparc – Av. Afonso Pena, 1055 – Centro, Belo Horizonte

Histórias da Arca

O espetáculo “Histórias da Arca” surgiu em 2001 quando Ana Cristina precisou substituir uma profissional da equipe do projeto “Caravana Poética”. A artista, que até então não tinha feito nenhum trabalho infantil, precisou improvisar para levar uma história para mais de trezentas crianças. Para isso, Ana Cristina misturou uma história que ela criou ali mesmo com algumas canções do disco “Arca de Noé”, de Vinícius de Moraes, além de poemas do compositor brasileiro (Livre).

(Divulgação)

Quando? Sábado (11) e domingo (12), às 16h

Valor? R$ 20 inteira | R$ 10 meia

Onde? Teatro Marília – Avenida Professor Alfredo Balena, 586, Santa Efigênia – Belo Horizonte

Ingressos? Vendas na bilheteria a partir de duas horas antes do horário do espetáculo. Não são aceitos cartões de crédito ou débito

Improvisações Inseguras

A Companhia de humor Os Inseguros apresenta o espetáculo Improvisações Inseguras. Todas as cenas são construídas a partir das sugestões da plateia através de jogos de improvisação. O que causa insegurança é que os improvisadores não sabem como vai começar a história, mas é certo eu você vai se divertir com as criativas e engraçadas histórias criadas na hora (Livre).

(Divulgação)

Quando? Sábado (11), às 21h

Valor? R$ 15

Onde? Teatro Estação Cultural (Shopping Estação BH) – Av. Cristiano Machado, 11833 – Venda Nova

Ingressos? Vendas online

A Mamãe Voltou

Quem nunca reclamou ou se sentiu numa saia justa pelos comentários feitos pela própria mãe? Quem nunca achou graça ao saber de intimidades de amigos através de comentários das mães que,de tão zelosas, acabam não tendo limite? Nessa comédia de Rodrigo Scheer, o amor de mãe é explorado numa história de depoimentos e situações onde mãe é capaz de tudo pelo seu filho, até voltar do além (14 anos).

(Descrição)

Quando? Quarta-feira (15), às 21h

Valor? R$ 50 inteira | R$ 25 meia

Onde? Teatro Estação Cultural (Shopping Estação BH) – Av. Cristiano Machado, 11833 – Venda Nova

Ingressos? Vendas online

Comentários

Stephanie Mendes

Jornalista e redatora do Bhaz

Carregar mais em Guia Bhaz