Home Notícias Brasil Promoção para deixar idosos em casa de repouso e ‘curtir o Natal’ entra na mira da Justiça

Promoção para deixar idosos em casa de repouso e ‘curtir o Natal’ entra na mira da Justiça

Uma casa de repouso no Paraná entrou na mira do Ministério Público do Estado por causa de uma faixa em que anuncia preços promocionais para que idosos sejam deixadas no local no fim de ano. A proposta é de que as pessoas deixem parentes mais velhos no espaço para que possam curtir festas de Natal e outros eventos. O anúncio se espalhou pelas redes sociais e virou alvo de críticas. O padre Reginaldo Manzotti, embaixador da Pastoral da Pessoa Idosa, é um dos que demonstrou indignação com o caso.

Manzotti publicou no Facebook um vídeo em que critica a ação. E a 1ª Promotoria de Defesa dos Direitos do Idoso de Curitiba já instaurou um processo administrativo para investigar a situação. “Deixe seu idoso bem conosco e desfrute das festas natalinas”, diz uma frase da faixa pendurada no bairro Xaxim, região Sul de Curitiba.

“Onde é que o idoso é um problema?”, questiona o padre no vídeo que já foi visto mais de 2,6 milhões de vezes. “Por favor, vamos repensar a pessoa do idoso. Eles não são produtos, eles não são objetos”, pondera. Ao todo, a publicação também conta com mais de 150 mil compartilhamentos.

A casa de repouso em questão negou que seja a responsável pela faixa, embora números de telefone do espaço aparecem no material. O estabelecimento explicou, por meio de nota, que só teve conhecimento do anúncio após a repercussão dele e que concorrentes podem ter aproveitado o período para sujar a imagem do espaço.

Comentários

Roberth Costa

Roberth Costa é publicitário, repórter e editor no Bhaz.

Carregar mais em Brasil