Home Notícias Política Morre, aos 96 anos, ex-governador de Minas Gerais; mandato foi no período militar

Morre, aos 96 anos, ex-governador de Minas Gerais; mandato foi no período militar

Está sendo velado no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, o corpo do ex-governador de Minas Gerais Francelino Pereira (DEM). Ele tinha 96 anos e, segundo  informações da família, morreu esta noite de causas naturais. Ele estava internado no Hospital Mater Dei.

Francelino foi governador, entre 1979 e 1983, na época do regime militar. Além disso, foi senador, também por Minas Gerais, no governo de Fernando Henrique Cardoso, entre 1995 e 2003. Em quatro mandatos de deputado federal, entre 1963 e 1979. Francelino  Pereira foi presidente da Aliança Renovadora Nacional (Arena), o partido governista que representava as forças políticas que apoiavam o regime militar.

Francelino Pereira foi o último governador do Estado indicado pelos militares. Ele governou Minas por cinco anos, entre 1979 e 1973, quando passou o cargo para o então senador Tancredo Neves, o primeiro eleito após 1964. Durante seu mandato à frente do governo de Minas, Francelino ganhou fama por ter sido o governador que “jogou água nas professoras”. O fato ocorreu em maio de 1979, quando os professores estavam em greve e polícia utilizou jatos de água para dissolver uma concentração que era realizada em frente à secretaria da Educação, na Praça da Liberdade.

Prefeitura manifesta solidariedade

A prefeitura de Belo Horizonte, por meio de nota, manifestou pesar pela morte de Francelino Pereira.

Nota

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, recebeu com pesar a notícia do falecimento do ex-governador Francelino Pereira. 

O prefeito se solidariza com os familiares e amigos neste momento.

Comentários

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Jornalista no Portal Bhaz

Carregar mais em Política