Home Notícias BH Ocorrências de roubo e desaparecimento de cães deixam moradores de BH em estado de alerta

Ocorrências de roubo e desaparecimento de cães deixam moradores de BH em estado de alerta

Moradores de Belo Horizonte estão assustados com a atuação de criminosos que estariam roubando cães em bairros da região Centro-Sul da cidade, entre eles, Santo Antônio, São Pedro e São Bento. Boatos, que rapidamente se espalharam pela Capital mineira, apontam que dois homens armados têm ameaçado, principalmente, mulheres e idosos para levarem os bichos de estimação. Após a abordagem, eles usariam uma moto vermelha para a fuga. O temor dos donos de animais ganha ainda mais força diante dos relatos de desaparecimento de cachorros publicados nas redes sociais.

A veterinária Laura Machado, proprietária de um pet shop no bairro Vila Paris, conta que vários clientes estão com medo dos rumores. “O pessoal está apavorado com a situação por que (os criminosos) não pedem resgate. Não sabem falar ao certo o que eles fazem, pode ser que vendam os cães ou troquem, não sei. Umas seis pessoas já contaram o mesmo caso aqui”, disse ao portal Bhaz.

Uma das frequentadoras do estabelecimento, dona de um shih-tzu, está tão aterrorizada que preferiu não se identificar para comentar o assunto. “Saio na rua olhando para os lados quando estou com meu cachorro e evito ir pra longe de casa. De noite só saio com meu esposo mesmo por que são muitos casos que a gente ouve”, revelou a mulher.

adotar e o bicho
Diversas páginas ajudam a divulgar o roubo e desaparecimento de animais em BH
Foto: Reprodução/Facebook

A assessoria da Polícia Militar (PM) admite aumento nos casos de roubo de cães. No entanto, descarta que os crimes estejam acontecendo em série, já que nenhuma ocorrência relaciona aos rumores foi registrada. A PM ainda ressaltou que irá desenvolver operações e estratégias para combater as ações com base nas denúncias recebidas pela corporação. O número de ocorrências de roubo de cães em BH dobrou no último ano em relação aos dados registrados em 2012.

Desaparecidos

A situação que causa medo entre moradores da região Centro-Sul de BH se transformou em realidade para a família de Stéfanie Sodré, de 25 anos. Isso por que a cadelinha Cici está desaparecida desde a última terça-feira (22).

A poodle branca estava dentro do carro da irmã de Stéfanie no momento em que o veículo foi roubado, no bairro Renascença, na região Nordeste da cidade. A proprietária da cadelinha registrou um boletim de ocorrência logo após o crime, além de ter divulgado diversos anúncios no Facebook. No entanto, os tutores ainda não receberam nenhuma informação sobre o animal. “Estamos muito tristes, mas esperamos que a Cici seja encontrada”, contou a jovem.

Informações sobre o paradeiro de Cici podem ser repassadas à família de Stéfanie por meio dos telefones (31) 8684-0899 ou (31) 3444-7093.

cici
Cici desapareceu no dia 21 de abril.
A cachorrinha foi roubada juntamente com o carro da irmã de Stéfanie.
Foto: Reprodução/Facebook

O caso de Lunna, uma akita branca, também é bastante compartilhado por meio das redes sociais. A cadela, de apenas 10 meses, foi roubada no bairro Diamante, na região do Barreiro, no início desta semana. “A Lunna sumiu na terça-feira de manhã, pouco depois de abrirmos a porta de casa para ela ir ao terreiro. Acreditamos que ela foi roubada por que não tem como ter saído sozinha”, explica a estudante Lauh Fernandes, tutora da cachorrinha.

“Eu ganhei ela de aniversário depois que roubaram nosso filhote Golden Retriver, em junho do ano passado. Minha mãe está bastante triste e eu choro todos os dias por causa da situação, chego a ter dores no rosto”, completou.

Quem souber de informações sobre o paradeiro de Lunna podem entrar em contato com a família por meio dos telefones (31) 3421-9964 ou (31) 7119-9282.

akita
Foto: Reprodução/Facebook

Comentários

Carregar mais em BH