Home NotíciasMinas GeraisCopasa dá calote em obras no interior do Estado

Copasa dá calote em obras no interior do Estado

Desde o início do ano, a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA) parou de efetuar pagamentos a diversas empreiteiras que executam obras no interior do estado. Segundo reportagem do jornal O Tempo, a empresa teria deixado de emitir os chamados boletins de de medição, que são usados pelas empresas para receber os seus pagamentos.

A falta de pagamentos, que em alguns casos ultrapassa a casa dos milhões de reais, tem gerado demissões no interior de Minas. Sem a emissão de novas ordens de serviço e dos boletins de medição das obras já executadas, diversas obras ficaram paradas. Sem dinheiro em caixa, as empreiteiras relatam que vários funcionários tiveram de ser demitidos.

A Copasa alega que a suspensão ocorreu em função da necessidade de reavaliação do processo decisório interno e adequação do sistema e que os pagamentos iriam retomar no final de abril – o que não ocorreu. Outra medida que a empresa estuda tomar é abrir mão da subsidiária Águas Minerais de Minas, que é responsável por envasar e comercializar as principais águas minerais do Sul de Minas: Cambuquira, Lambari, Caxambu e Araxá. No caso da última, a empresa conclui a reforma da fábrica envasadora em 2012, quando ela voltou ao mercado.

Comentários