Home Notícias BH Jornalista é presa pela PM durante cobertura de operação na região de Venda Nova

Jornalista é presa pela PM durante cobertura de operação na região de Venda Nova

A Polícia Militar prendeu, na manhã desta segunda-feira (20), a repórter da Rádio Inconfidência Verônica Pimenta, que estava cobrindo uma operação de reintegração de posse na região de Venda Nova, em Belo Horizonte.

Segundo a PM, a repórter não teria atendido a ordem de se afastar do perímetro imediato — zona de segurança cercada pelos policiais. Portanto, a jornalista teria sido detida por desacatar a ordem de autoridade.

 

“Não se tratou de cercear o trabalho da imprensa, mas sim de proteger a vida da cidadã”, justificou o capitão Flavio Santiago, porta-voz da PM. Ainda segundo a corporação, a repórter teria negado a se identificar como profissional de imprensa.

Verônica foi encaminhada à 1° Delegacia de Polícia de Venda Nova.

A Rádio Inconfidência ainda não se posicionou sobre a detenção da funcionária. No entanto, o frei Gilvander Moreira, membro da Comissão Pastoral da Terra, que presta assistência aos despejados nessa operação, avalia como um ato de censura a prisão da repórter. “Prenderam a jornalista arbitrariamente, estão cerceando o trabalho da imprensa”, reportou à Bhaz.

Operação

Conforme noticiado pela Bhaz na manhã desta segunda-feira, a Polícia Militar cumpre, desde às 7h, mandado de reintegração de posse em dois terrenos da Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), localizados no bairro Copacabana, região de Venda Nova, em Belo Horizonte.

Os terrenos estão ocupados há mais de um ano por cerca de 200 famílias das ocupações Maria Vitória e Maria Guerreira.

Segundo a PM, a ação ocorre “dentro da normalidade” e não foram registradadas outras ocorrências.

Guilherme Scarpellini

Guilherme Scarpellini é redator de política e cidades no Portal Bhaz.

Comentários