Gasolina paga com ‘papel ungido por Cristo’ vira caso de polícia em posto de combustível

Reprodução

Vídeos publicados nas redes sociais, ao longo da última semana, mostram uma ocorrência inusitada em um posto de combustível de Caçapava, no interior de São Paulo. Depois de abastecer, um casal tentou pagar um frentista com pedaços de papel que, segundo eles, foram “ungido por Cristo” e valeriam R$ 100 cada.

As gravações foram publicadas no Facebook e já contam com mais de 500 mil visualizações. Nas imagens, é possível ver que policiais confrontam os clientes do estabelecimento diante da tentativa de pagar a conta com o “dinheiro”. O homem e a mulher, que não tiveram as identidades divulgadas, confirmam por diversas vezes que as folhas cortadas são realmente dinheiro.

Em determinado momento, um policial chega a questionar se algum deles está com problemas mentais. A resposta é negativa, mas o casal segue com a ideia de que seria possível pagar a gasolina abastecida com os papeis. A mulher foi quem chamou a polícia alegando não ter recebido o troco para a “nota” entregue ao funcionário que os atendeu.

De acordo com a Polícia Militar (PM), depois de muita conversa, os dois se mantiveram irredutíveis e o proprietário do posto decidiu retirar o combustível colocado no veículo. O casal foi liberado, já que, segundo os policias, não aparentavam estar agindo de má fé. Para os militares, o homem e a mulher estavam sendo usados e mal orientados por alguma religião ou seita.

Roberth Costa
Roberth Costaroberth.costa@bhaz.com.br

Editor do BHAZ desde junho de 2018 e repórter desde 2014. Participou do processo de criação do portal em 2012. É formado em Publicidade e Propaganda pela Faculdade Promove. Participou de reportagens premiadas pela CDL/BH em 2018 e 2019, além figurar entre os finalistas do prêmio Sindibel, também em 2019.