Show de Gusttavo Lima é interrompido por causa de tiros

Cantor interrompe show em exposição por causas de tiros

A apresentação musical do cantor Gusttavo Lima, na cidade de Rondonópolis (MT) terminou antes do fim por causa de um tiroteio na madrugada deste sábado (4). O cantor se apresentava na abertura do Festival Rebouças, no Parque de Exposição da cidade. No momento em que os tiros foram disparados Gusttavo estava cantando, mas correu para os bastidores ao ser avisado pela produção e não voltou mais ao palco.

Assista o vídeo do momento da confusão divulgado em redes sociais.

Segundo informações registradas no boletim de ocorrência, a troca de tiros foi entre dois policiais militares de Cuíaba, que não estavam em serviço. O soldado Henrique Leal dos Santos teria sido atingido por uma garrafada em uma confusão no meio do público. Em seguida, ele disparou para o alto para assustar o agressor e correu para o estacionamento. Na sequência o major, Roosevelt Oliveira que estava no local com a família correu atrás do homem, sem saber que ele era soldado da polícia militar. Leal então teria ameaçado atirar em Oliveira ao receber ordem de prisão. Mas o major foi mais rápido e atirou na perna de Leal.

Baleado, o militar foi levado ao Hospital Regional de Rondonópolis, onde recebeu atendimento médico e foi liberado. Em seguida, foi encaminhado a delegacia da cidade, onde foi preso em flagrante por tentativa de homicídio. Já o major que efetuou o disparo, foi liberado pois a polícia entendeu que ele agiu em legítima defesa. Por nota a organização do evento informou que os dois entraram no parque de exposições porque tinham porte de arma.