Home Notícias Brasil Fotos mostram que a depressão não tem rosto: 32 brasileiros se matam por dia

Fotos mostram que a depressão não tem rosto: 32 brasileiros se matam por dia

O mês de setembro ainda nem chegou e já voltou a circular a hashtag “FaceOfDepression” (face da depressão, em inglês), ação que compõe o Setembro Amarelo, direcionado para a prevenção contra o suicídio. Criado em 2017, o termo mostra que a depressão não possui necessariamente um rosto ou um semblante. Foram reunidas diversas fotos de pessoas antes de tentarem ou cometerem suicídio. As histórias tristes revelam uma realidade assustadora.

A campanha levanta o debate que ainda é um grande tabu na sociedade. A depressão pode estar disfarçada, e nem sempre a pessoa que está sofrendo deixa os sintomas evidentes. As fotos ilustram e os relatos falam por si só. Histórias de sofrimento, com finais trágicos.

A ideia é abrir o diálogo e falar mais sobre o assunto. A depressão requer cuidados, conversas e muita atenção. De acordo com a campanha, por trás de uma foto bonita e bem produzida, pode existir alguém pedindo por socorro.

Pelos números oficiais, 32 brasileiros são mortos por dia vítimas de suicídio. A taxa é superior às vítimas da AIDS e da maioria dos tipos de câncer, de acordo com o Centro de Valorização da Vida (CVV). Tem sido um mal silencioso, pois as pessoas fogem do assunto e, por medo ou desconhecimento, não veem os sinais de que uma pessoa próxima está com ideias suicidas.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos. É necessário a pessoa buscar ajuda e atenção de quem está à sua volta.

Veja alguns depoimentos:

“Tentei suicídio duas vezes quando criança. Sempre fui deprimido e ninguém sabia”.

Reprodução/Twitter

“As duas fotos são do vídeo que ele nos deixou. Ele chorou o tempo todo nos dizendo o motivo de fazer isso. O sorriso foi a última imagem no vídeo”.

Reprodução/Twitter

“Há dias em que você sente que não consegue respirar e que ainda pode sorrir ao mesmo tempo”.

Reprodução/Twitter

“Suicida”.

Reprodução/Twitter

Cientistas descobrem molécula ligada à depressão

A depressão pode estar relacionada a diversas causas. Contudo, recentemente, um estudo feito pelo periódico PNAS indica que os baixos níveis do biomarcador Acetil-L-Carnitina (LAC) podem ocasionar na depressão.

O Acetil-L-Carnitina é responsável pelo metabolismo da gordura e energia no corpo humano. A substância também é essencial para o sistema nervoso e o humor. Os pacientes que têm histórico de resistência à doença são os que apresentam os níveis mais baixos de LAC no organismo.

Os cientistas realizaram o estudo em 71 pessoas diagnosticados com a doença. Eram homens e mulheres, com idades entre 20 e 70 anos. Os pacientes tiveram de passar por uma consulta clínica, preencher um formulário minucioso e realizar exames de sangue.

Do total, 28 pacientes apresentavam depressão moderada e outros 43 já estavam em um estágio avançado da doença. No fim, os resultados foram comparados com de outras pessoas que não sofriam com a doença.

Ajuda

O Centro de Valorização da Vida (CVV) realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone (188), e-mail e chat 24 horas todos os dias.

Vitor Fernandes

Vitor Fernandes

Jornalista e redator no Portal Bhaz

Comentários