Home Notícias Minas Gerais Sete cidades da Grande BH ganharão grupo do MP de combate a roubos; ações são articuladas com segurança pública

Sete cidades da Grande BH ganharão grupo do MP de combate a roubos; ações são articuladas com segurança pública

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), está articulando para expandir o Grupo de Intervenção Estratégica de Enfrentamento a Roubos no Estado de Minas Gerais (GIE-R) para a Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O grupo será expandido para sete novas cidades da região metropolitana de Belo Horizonte – Betim, Contagem, Ibirité, Ribeirão das Neves, Santa Luzia, Sabará e Vespasiano.

Para marcar o início da expansão, foi realizada, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, recentemente, reunião da qual participaram também a Polícia Militar, a Polícia Civil e a Secretaria de Segurança Pública de Minas Gerais.

Foram demonstrados a metodologia de trabalho e os resultados da atuação do grupo entre abril de 2017 e agosto de 2018. A apresentação foi feita pelos promotores de Justiça Daniel de Sá, Paula Ayres e Rafael Henrique Fernandes. Também participaram promotores das cidades que passarão a fazer parte do grupo.

O Grupo de Intervenção Estratégica de Enfrentamento a Roubos no Estado de Minas Gerais foi instituído em 2017, por meio de uma resolução conjunta, e é formado por instituições de segurança pública. Seu foco, por meio da integração dos órgãos, é combater a ocorrência dessa modalidade de crime.

Para a coordenadora do Gaeco, Cássia Virgínia Serra Teixeira Gontijo, “como a experiência do grupo foi exitosa e a criminalidade sempre busca mecanismos para burlar as medidas de combate ao crime que são aplicadas, com a expansão do grupo para a região metropolitana, poderemos trabalhar de forma mais qualificada, em especial com a troca de informações”, afirmou. Ela também informa que os promotores de Justiça em cada comarca irão iniciar os trabalhos para a formação do grupo local.

 

Do MPMG

Comentários