Home Notícias BH Prefeitura de BH anuncia investimentos de R$ 430 milhões para a saúde

Prefeitura de BH anuncia investimentos de R$ 430 milhões para a saúde

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou na tarde desta terça-feira (9) um grande pacote de obras na área da saúde. Os secretários municipais de Saúde, Jackson Machado Pinto, e de Fazenda, Fuad Jorge Noman Filho, informaram que serão investidos aproximadamente R$ 430 milhões em obras.

Das nove Unidades de Pronto Atendimento (UPA) existentes em BH, três serão reconstruídas e as outras três serão completamente reformadas. “Faremos também três grandes intervenções no Hospital Odilon Behrens (maternidade, passarela e melhoria na estrutura física) e 42 Centros de Saúde já existentes serão readequados. É importante frisar que esses centros não serão construídos: os prédios já existem, mas estão em situação precária e serão reformados”, afirma Machado Pinto.

No total, serão 145 reformas na estrutura física da Secretaria Municipal de Saúde. “Isso é parte da orientação do prefeito Alexandre Kalil, de colocar para funcionar o que já existe. É uma ótima notícia para a cidade”, completa o secretário de Saúde.

Secretários municipais de Fazenda, Fuad Noman Filho, e de Saúde, Dr. Jackson Machado Pinto (Vitor Fernandes/Bhaz)

Entrega até 2020

A promessa é de que todas as obras sejam entregues até o fim do mandato de Kalil, em 2020. “É um programa grande, audacioso, com um investimento elevado. Por isso, estamos estudando a melhor forma de operar isso. Os recursos necessários serão obtidos de diversas fontes, entre elas, empréstimos e dinheiro da própria prefeitura”, explica o secretário da Fazenda, Fuad Noman Filho.

De acordo com Noman Filho, os recursos já estão aprovados, faltando apenas alguns detalhes. O pagamento dos empréstimos poderá ser feito em até 10 anos.

Sobre a reforma dos centros de saúde, o secretário Jackson Machado Pinto afirma que foram feitos estudos para avaliar todas as necessidades. “Isso vem sendo realizado desde o início da gestão do prefeito Kalil. Quando se decide por construir ou reconstruir um determinado Centro de Saúde, temos que olhar a necessidade, o que precisa ser adequado para a população, se há terreno disponível. É uma série de providências a serem tomadas, foi tudo muito planejado”, completa.

Vitor Fernandes

Vitor Fernandes

Jornalista e redator no Portal Bhaz

Comentários