Home Notícias BH Carnaval de BH não recebe proposta de patrocínio; edital com biênio fracassa e será republicado

Carnaval de BH não recebe proposta de patrocínio; edital com biênio fracassa e será republicado

O Carnaval de Belo Horizonte está sem patrocinador até o momento. Mesmo com a publicação do edital, a prefeitura não recebeu nenhuma proposta para bancar a folia. No Diário Oficial do Município (DOM), do último sábado (13), a Empresa de Turismo de Belo Horizonte (Belotur) tornou público que o certame foi declarado deserto.

Ao Bhaz, a Belotur disse que ainda nesta semana o edital será republicado. No entanto, não foi informado se o documento passará por alterações nem sobre os possíveis motivos para o desinteresse das empresas.

Entre as novidades do primeiro edital estava o fato de que o vencedor teria o direito de patrocinar o Carnaval de BH nos dois próximos anos.

O valor mínimo em espécie aceito para o patrocínio era de R$ 10,5 milhões, sendo R$ 4,5 milhões para o ano de 2019 e R$ 6 milhões a serem depositados em conta específica da Belotur e administrados por ela para atendimento das demais despesas exclusivas do Carnaval Belo Horizonte 2019 e 2020. Neste ano, o valor por esse tipo de patrocínio chegou a R$ 3,59 milhões, o maior da história da folia belo-horizontina.

O objetivo do patrocínio é viabilizar a produção dos eventos carnavalescos previstos para os próximos anos, assim como a contratação de estruturas, mobiliário e complementos necessários para montagem e instalação nos eventos da folia, entre outros.

Belotur reúne com blocos

Desde agosto, a Belotur criou reuniões periódicas com representantes de blocos de rua da capital, no intuito de planejar e organizar melhor a festa para 2019. Cris Gil, do Hawaianas Usadas, disse ao Bhaz que nos encontros realizados os organizadores têm recebido orientações tanto dos bombeiros, como da própria Belotur, para a boa realização da festa.

A antecipação do cadastro dos blocos é um dos fatores considerados por ela como uma forma de melhor preparar o Carnaval. “Tendo o cadastro realizado com antecedência, podemos preparar melhor do que nos anos anteriores”, disse Cris.

O Carnaval de Belo Horizonte se consolidou como uma das maiores festas do país, atraindo turistas do Brasil e do mundo e alcançando uma significativa retenção de moradores da cidade. De acordo com informações da Belotur, este ano, cerca de 4 milhões de pessoas circularam nas ruas da cidade, espalhadas em mais de 500 atrações, entre blocos, palcos oficiais, festas e desfiles.

A ocupação na rede hoteleira no período foi recorde – 57% no geral, sendo quase 77% na região Centro-Sul – e a movimentação financeira no município alcançou a cifra de R$ 641 milhões.

Além das centenas de blocos de rua, a festa da capital mineira conta ainda com palcos espalhados em diversas regionais da cidade, os desfiles das escolas de samba e blocos caricatos, além da abertura oficial com a eleição da Corte Momesca e outras atividades.

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Jornalista no Portal Bhaz

Comentários