Home Notícias BH ‘Isso non ecziste’: Padre Quevedo morre, aos 88 anos, em Belo Horizonte

‘Isso non ecziste’: Padre Quevedo morre, aos 88 anos, em Belo Horizonte

Morreu nesta quarta-feira (9), aos 88 anos, o padre Quevedo. Jesuíta espanhol radicado no Brasil, ele ficou bastante famoso por fazer participações em programas de TV, principalmente no fim dos anos 1990 e início dos anos 2000. Nas atrações, o religioso falava sobre parapsicologia – ou seja, fenômenos que parecem transcender as leis da natureza. Quevedo criou o bordão “Isso non ecziste”. Ele estava na casa de repouso da Companhia de Jesus no Brasil, na capital mineira.

Oscar González Quevedo faleceu por problemas cardíacos. O corpo dele será enterrado nesta quinta (10) no Cemitério Bosque da Esperança, em Belo Horizonte, a partir das 11h. A cerimônia será reservada para familiares, amigos e religiosos. Ele foi para a casa de repouso em 2012.

Filho de um deputado de Madri, Quevedo nasceu na Espanha e mudou-se para o Brasil depois que o pai foi preso e fuzilado. Antes, ele e a família procuraram abrigo em Gibraltar, que fica na Espanha mas pertence à Grã-Bretanha. Por aqui, estudou na Faculdade Anchieta e tornou-se professor de parapsicologia. Na TV, apareceu no Fantástico, no Domingo Legal e no Programa do Ratinho para desmascarar charlatões que insistiam ter poderes e outros casos sobrenaturais.

Relembre entrevista concedida por ele a Jô Soares, ainda na Globo.

Roberth Costa

Roberth Costa é publicitário, repórter e editor no Bhaz.

Comentários