Home Notícias Brasil Adolescente é morto a tiros durante operação da PM no Rio e família questiona: ‘Qual foi o seu erro?’

Adolescente é morto a tiros durante operação da PM no Rio e família questiona: ‘Qual foi o seu erro?’

Um adolescente de 12 anos morreu após ser baleado durante uma operação da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMERJ) no sábado (16), na cidade de Mesquita. Familiares da vítima disseram que o menino havia saído para comprar um lanche quando foi atingido pelos PM’s.

O garoto foi levado ao Hospital Geral de Nova Iguaçu onde foi submetido à cirurgia de emergência, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu na madrugada de domingo (17). Ao dar entrada na unidade de saúde, ele estava com perfurações no abdômen, no pescoço e na perna.

Nas redes sociais, o adolescente foi homenageado por familiares que questionaram a ação dos policiais. “Qual foi o seu erro? Sair pra comprar um lanche em um sábado à noite? Poderia ser qualquer um de nós. Vai com Deus meu primo. Que Deus console e conforte o coração da família”, postou uma das primas.

De acordo com a polícia, o adolescente foi encontrado caído em uma das ruas na “retaguarda do confronto”. No entanto, familiares afirmam que testemunhas contaram que os PM’s estavam dentro de uma viatura e que desceram atirando no menino.

Procurada pelo BHAZ, a PMERJ afirmou, por meio de nota, que os tiros foram efetuados quando policiais foram atacados por criminosos, mas que nesse confronto não houve feridos nem mortos. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

Durante a operação, a polícia apreendeu 288 trouxinhas de maconha, 235 pedras de crack, 362 cápsulas de cocaína, 3 rádios Baofeng e R$ 98 em espécie.

Confira na íntegra a nota enviada pela PMERJ:

Por volta das 22h30 de sábado (16/3) policiais militares do 20º BPM,  em patrulhamento pela rua Roldão Gonçalves com Magno de Carvalho, Boca do Arrastão, Chatuba/Mesquita foram atacados por criminosos, ocasionando um confronto sem feridos ou mortos.

Na ação foram arrecadados:  288 trouxinhas de maconha, 235 pedras de crack, 362 capsulas de cocaína, 03 rádios Baofeng e R$98,00 em espécie. Vale ressaltar que na retaguarda do confronto foi encontrado caido ao solo uma vítima de disparos de arma de fogo. O adolescente, 12 anos, foi socorrido ao Hospital Geral de Nova Iguaçu. Quanto aos  marginais fugiram tomando rumo ignorado. Ocorrência na 53ª DP.

Comentários