Home Notícias Brasil Garçom oferece comida e bebida para menino acompanhar jogo em bar e boa ação viraliza

Garçom oferece comida e bebida para menino acompanhar jogo em bar e boa ação viraliza

DESCRIÇÃO: O garoto, de apenas 7 anos, só queria assistir a um jogo de futebol. Contudo, de acordo com o relato, algumas pessoas estavam incomodadas. Com isso, o garçom ofereceu uma mesa, comida e bebida para que ele assistisse toda a partida. A boa ação já rendeu mais de 40 mil compartilhamentos!

Um garçom ofereceu uma mesa, comida e bebida para que um garoto de 7 anos pudesse assistir a um jogo no Cruzeiro’s Bar Carapicuíba, em São Paulo, no domingo (17). A boa ação de Daniel Berg Queiroz de Araujo foi flagrada por uma cliente e já possui mais de 40 mil compartilhamentos no Facebook, em apenas dois dias.

Amanda Araújo, cliente do local, almoçava no estabelecimento quando presenciou a cena. “Um menino que só estava querendo assistir ao jogo, entrava e saía correndo porque sabia que não podia ficar ali. Até que o garçom viu e perguntou se ele queria assistir, o menino disse que sim, mas que ‘fulano’ não deixava. O garçom disse ‘eu deixo, vem cá’, acomodou o garoto na mesa e foi buscar uma porção de batatas e refrigerante”, relata.

Segundo relato, o garoto ficou espantado, já que não tinha dinheiro para pagar pelo pedido. “O garçom somente sorriu e disse algo que eu não consegui ouvir, mas como se fosse ‘fica tranquilo'”, explica no texto. O garçom ainda voltou diversas vezes para comentar sobre o jogo Everton x Chelsea, pelo Campeonato Inglês, com o garoto.

O funcionário do bar, Daniel Berg conta que o menino ficou falando que não tinha dinheiro. “E então eu disse para ele não se preocupar, que a gente daria um jeito. Tive a felicidade de levar pra ele bebida e uma porçãozinha de batata frita. Eu achei engraçado que ele pegou quatro batatas, e me disse obrigado. Ele não queria gastar, mas é lógico que eu não iria cobrar de uma criança”, comenta.

Daniel explica que seu sonho é trabalhar com futebol. “Sou amante do futebol, tenho sonho de virar repórter de campo. Espero que tudo isso inspire o garoto a fazer boas ações e a todos também”, conta.

O garçom, que é vascaíno, lembra de uma frase marcante na vida dele.”Eu gosto muito: ‘Enquanto houver um coração infantil, o Vasco será imortal’. Mas eu atualizei essa frase para: ‘Enquanto houver um coração infantil, o futebol será imortal'”, completa.

Em uma publicação, o bar parabenizou a atitude do garçom e disse ter orgulho de “pessoas reais como o Berg Araujo”.

“Não tem personagem, não existe planejamento, apenas a vida real de um garçom e do dia-a-dia do Bar. Nós temos o orgulho de termos pessoas reais como o Berg Araujo trabalhando conosco, o qual recebe os nossos parabéns, junto com o de toda equipe, gerentes e proprietários que compartilham da mesma visão e valores. Nós estimulamos e encorajamos práticas como estas dentro do ambiente de trabalho”, diz trecho da postagem do estabelecimento.

Nos comentários da publicação, que já possui mais de 100 mil curtidas e 40 mil compartilhamentos, as pessoas elogiam a atitude do garçom.

“Lindo gesto, que Deus te abençoe muito e que todos nós possamos aprender com você”; “Atitudes assim enchem meu coração de esperança em um mundo melhor”; “Ainda tem anjos aqui na terra. Parabéns ao garçom, Deus o abençoe e ilumine cada vez mais!”, foram alguns dos comentários.

Vitor Fernandes

Vitor Fernandes

Jornalista no Portal BHAZ

Comentários