Home Notícias BH Estrangeiro espanca jovem em frente a boate de BH após jogar bebida nela: ‘Foi bizarro’

Estrangeiro espanca jovem em frente a boate de BH após jogar bebida nela: ‘Foi bizarro’

Uma jovem de 23 anos foi espancada na madrugada desta sexta-feira (12) na saída de uma casa noturna no bairro São Pedro, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. A vítima garante que nunca tinha visto o rapaz até o momento em que ele jogou bebida nela, o que iniciou o tumulto e as consequentes agressões. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Conforme relato da Polícia Militar, a abordagem do suspeito ocorreu quando Juliana Baeta, de 23 anos, saiu da casa noturna na companhia de dois amigos. “Foi bizarro. Eu nunca tinha visto ele na minha vida. Eu estava atravessando a rua com um amigo meu, assentei do outro lado da rua, e ele tacou a bebida em mim. Eu fiquei muito nervosa na hora. Eu levantei e fui falar com ele: ‘Você tá ficando doido? Eu nem te conheço'”, relata Juliana ao BHAZ.

Whatsapp/Reprodução

Ela afirma ainda que, quando levantou e foi em direção ao garoto para entender a situação, um grupo de amigos do suspeito – que seria um estadunidense de 23 anos – começou a zombar do ocorrido. Com isso, Juliana confessa ter ficado nervosa e pego um copo de bebida na mão de um deles e jogado de volta no autor, que logo reagiu dando um empurrão na garota.

Em seguida, um amigo que acompanhava a jovem foi até o local da confusão para entender o ocorrido e tentar amenizar a situação, mas foi surpreendido com a reação do grupo. “O Flávio foi separar quando ele viu o rapaz vindo para cima de mim. E aí todos os amigos do autor foram pra cima do meu amigo”, relata a garota.

Whatsapp/Reprodução

Juliana tentou proteger o amigo, mas o estrangeiro teria agido novamente. “Ele me puxou pelo braço e me empurrou. Eu caí, bati a cabeça no meio fio e aí ele começou a me dar uma sequência de chutes. Eu cheguei a reagir com a perna, para mostrar que ele tinha me machucado, e ele me deu vários chutes”, afirma.

Após o ocorrido, os autores teriam entrado em um carro e saíram do local sem destino identificado. Juliana foi encaminhada ao Hospital João XXIII e levou 8 pontos na região do supercílio devido a um corte provocado pela queda. A Polícia Militar se deslocou até o centro médico e um Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado.

Procurada, a Polícia Civil apenas confirmou que o caso será investigado, sem divulgar mais informações.

Whatsapp/Reprodução

O agressor já foi detido em ao menos duas oportunidades. Em 2017, foi flagrado, segundo a PM, fazendo uso de drogas na Praça Afonso Arinos, no Centro da capital mineira. Já no ano passado, foi preso por tráfico de drogas em Lagoa Santa, na região metropolitana de BH.

O BHAZ procurou o suspeito e conversou com o advogado que o defendeu em uma ação judicial relacionada a uma das prisões pregressas. Até o momento desta publicação, nenhum posicionamento tinha sido enviado. Este texto será atualizado caso o rapaz ou sua defesa se manifeste.

Comentários