Home Notícias Minas Gerais Bebê precisa de aparelho respiratório para voltar pra casa e família faz vaquinha

Bebê precisa de aparelho respiratório para voltar pra casa e família faz vaquinha

A família do pequeno Gabriel Felipe Mota, de apenas 11 meses, pede ajuda na internet para comprar um aparelho respiratório que possibilitará que o bebê deixe um hospital onde está internado há cinco meses. Natural de Francisco Badaró, no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerias, ele está sob cuidados médicos no Hospital das Clinicas, em Belo Horizonte.

Em conversa com o BHAZ, Josilene Moreira, mãe do bebê, conta que o filho é portador de hidroseringomielia, doença que se desenvolve na medula. “O Gabriel nasceu perfeitamente, porém em setembro do ano passado teve uma convulsão e a doença foi diagnosticada”, conta.

Por conta da enfermidade, o bebê perdeu os movimentos das pernas e do braço esquerdo e tem dificuldades para respirar, o que o torna dependente do equipamento. “Os médicos disseram que não podemos voltar para a casa sem termos o aparelho”, diz.

O alto valor fez com que os pais de Gabriel resolvessem pedir ajuda na internet. “A ideia nos foi dada por uma mulher que também está com o filho internado no Hospital das Clínicas. Estamos contando com a ajuda das pessoas, pois meu filho já recebeu alta do hospital”.

Gabriel está internado no Hospital das Clínicas (Reprodução/Arquivo pessoal)

Desde janeiro, a família tenta, sem sucesso, o aparelho pela Justiça, porém a demora tem atrapalhado. “Em janeiro entramos com um pedido para ganharmos [o aparelho], mas o pessoal veio fazer a perícia e disse que eu não tenho capacidade para colocá-lo no meu filho. Eles disseram isso, mas eu consigo, tanto que os médicos escreveram uma carta falando isso”, disse. O pedido está sendo analisado em Belo Horizonte e em Montes Claros.

A permanência de Gabriel no hospital tem feito com ele fique frequentemente doente, pois sua imunidade é baixa. “Esses dias mesmo muitas crianças ficaram gripadas e o Gabriel acabou pegando gripe e foi parar no CTI. Ele ficou muito ruinzinho”.

Josilene conta com a solidariedade das pessoas para que consiga adquirir o aparelho respiratório, por isso estabeleceu uma meta de R$ 20 mil. “Com esse valor nós conseguiremos comprar um equipamento seminovo que atende a nossa necessidade”. No próximo dia 27, Gabriel completará um ano e a volta para casa é o presente desejado por seus pais.

Quem desejar ajudar pode contribuir clicando aqui.

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Jornalista no Portal Bhaz

Comentários