Home Notícias Brasil Neymar diz que usou preservativo e que deu tapas a pedido de modelo: ‘Estou muito tranquilo’

Neymar diz que usou preservativo e que deu tapas a pedido de modelo: ‘Estou muito tranquilo’

O atacante Neymar prestou depoimento na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher na Zona Sul de São Paulo nessa quinta-feira (13). Acusado de estuprar e agredir a modelo Najila Trindade, de 26 anos, o jogador disse que “a verdade aparece cedo ou tarde”.

O depoimento durou cerca de três horas e a delegada Juliana Bussacos apresentou as conclusões do laudo de exame de corpo de delito feito pelo Instituto Médico Legal (IML), a partir do relatório médico particular apresentado pela modelo à polícia. Nele não é atestado se houve ou não o estupro, mas são indicadas lesões no corpo da modelo, compatíveis com a data da viagem a Paris.

Durante o depoimento, Neymar negou ter feito sexo sem o consentimento de Najila e que deu tapas na mulher a pedidos dela, conforme apurou o Jornal Nacional. O atacante do PSG e da Seleção Brasileira ainda disse que a modelo posou para a foto que ele fez das nádegas dela e que postou nas redes sociais para provar que não a agrediu.

Esta foi a segunda vez que o jogador prestou depoimento, desde que o caso com a modelo veio à tona.

Detalhes dos encontros

No primeiro encontro que teve com a brasileira, Neymar disse ter bebido, mas destacou que foi somente uma dose, pois havia saído do treino. Najila disse ao jogador que queria casar com ele, pois o amava, conforme contou. Ainda neste dia o jogador afirmou que usou preservativo e que o descartou no vaso sanitário.

Sobre o segundo encontro, Neymar pretendia levar Najila em uma balada, porém como foi agredido, resolveu ir embora. O atacante ainda disse que em momento algum a modelo chegou a falar com ele que havia sido estuprada.

+ Vídeo mostra Neymar levando tapas da modelo que o acusa de estupro: ‘Você me agrediu ontem’

Ao final do depoimento, Neymar se emocionou afirmando que este é o pior momento de sua vida e lembrou que sua família tem sofrido com os acontecimentos. Disse ainda que seu filho não está indo às aulas, pois na escola os amigos dizem que o pai dele é estuprador.

Em conversa com os jornalistas, Neymar disse que está “muito tranquilo” e agradeceu o apoio recebido. “Vou ser breve, hein. Só agradecer ao apoio e carinho de todo mundo que está me mandando as mensagens. Todas as mensagens que recebi até hoje. Estou muito tranquilo”, disse.

Com informações do G1

Comentários