Home ColunasDatas importantes de julho pra quem gosta de literatura

Datas importantes de julho pra quem gosta de literatura

Estamos dando um adeus oficial ao primeiro semestre de 2019! Você está em dia com suas resoluções de ano novo? Se uma delas for “ler mais” – inclusive para driblar aquele número horroroso que citei em uma coluna passada… – a hora de começar é agora. E, para te inspirar, separei alguns acontecimentos literários importantes do mês de julho.

Nele, temos o aniversário de vários autores nacionais e internacionais, e, também, o aniversário de morte física de grandes clássicos do mundo. Digo “morte física” porque autores não morrem de verdade, eles ressoam por muitos anos após deixarem de existir.

Veja Ernest Hemingway, por exemplo: 2019 é o aniversário de 120 anos do escritor norte-americano, completados em 21 de julho. Mas, no dia 2 de julho, completam-se 58 anos de sua morte. Eu tenho 32 anos, o que significa que não dividimos o planeta ao mesmo tempo, mas converso frequentemente com Hemingway quando leio uma de suas obras.

Dele, sugiro, particularmente, Paris é uma festa. Em algum lugar bem egoísta do meu coração, acho que ele escreveu esse livro pra mim. ;p

Outros mega autores fazem aniversário em julho: no dia 3, Franz Kafka completa 136 anos. Celebre esse nome importantíssimo da literatura com A Metamorfose. No dia 12 a gente lê os poemas do chileno Pablo Neruda para comemorar seus 115 anos. É difícil escolher uma só obra para sugerir quando o nome em questão já ganhou o Nobel de Literatura, mas, seja qual for o seu Neruda preferido, termine o dia com o filme O Carteiro e o poeta, pra amar ainda mais a vida.

Dia 30 a gente observa passarinhos e lê poemas gostosos de Mário Quintana, como se estivéssemos cantando os parabéns para esse gaúcho inesquecível de 113 anos. É dele uma das citações sobre literatura que eu mais gosto: “quando alguém pergunta ao autor o que esse quis dizer, é porque um dos dois é burro”. ;p

“Mas, Laís, não tem nenhum aniversariante vivo em julho?”, você pode me perguntar. Não só tem, eu te respondo, como é uma das maiores sumidades contemporâneas da literatura mundial. Em 2019, J.K. Rowling, a criadora da saga Harry Potter, completa 54 anos. Antes de devorar todos esses livros incríveis, te sugiro ler Vidas Muito Boas, a transcrição de uma palestra que ela deu para uma turma de formandos. Inspiração é pouco pra descrever as palavras da britânica.

Até que a morte nos separe – ou não

Como eu disse, todo autor é imortal, principalmente se pode ser lido e compreendido a qualquer tempo. Esse é o caso do já citado Hemingway, mas também de outros escritores sensacionais que, por causa de sua obra, ainda estão entre nós.

Não podemos deixar passar em branco, por exemplo, a data de despedida física de Monteiro Lobato, um dos maiores nomes da literatura brasileira. Ele se foi em 4 de julho de 1948, mas ainda vive através de suas fábulas, em especial as que se passam no O Sítio do Pica-Pau Amarelo.

Também celebramos, em 7 de julho, a partida terrena do britânico Arthur Conan Doyle, responsável por trazer ao mundo ninguém menos que Sherlock Holmes. Se você lê em inglês, minha dica é saborear toda a acidez do detetive mais sagaz do mundo em sua língua original. 

Dia 18 de julho é o aniversário de morte de Jane Austen, que criou livros perfeitos para serem tanto livros quanto filmes, e que até hoje são atuais a qualquer público, principalmente às mulheres. Detalhe: ela morreu há 202 anos. Isso sim é sobreviver por séculos! #palmasparaJane

Em 23 de julho de 2014 nos despedimos, não sem muita tristeza, do corpo físico de Ariano Suassuna, um paraibano tão arretado quanto seu sobrenome. É difícil escolher o que sugerir de Ariano, principalmente porque, pra mim, tudo o que ele fez – incluindo suas aparições públicas – são obras de arte. Mas, para quem ainda não está familiarizado, comece pelo começo: O Auto da Compadecida – sim, daquele filme sensacional, ele mesmo – é minha dica para o mês de julho.

E, se você nasceu nesse mês, parabéns! São 31 dias rodeados das mais brilhantes estrelas da literatura mundial. Quem sabe você não é mais uma delas? Se for, conta pra mim. Vou adorar ler o que você escreve!

Lais Menini

Lais Menini

Laís Menini é redatora sênior, com nove anos de experiência na criação de conteúdo para internet. Nas horas vagas, ministra cursos e oficinas de escrita criativa e é blogueirinha de literatura no Literama.

Comentários