Home Notícias Minas Gerais Polícia investiga possível plano de atentado à escola por adolescente mineiro

Polícia investiga possível plano de atentado à escola por adolescente mineiro

Um adolescente de 17 anos, que mora em Nova Era, região Central de Minas Gerais, está sendo investigado pela Polícia Civil (PCMG) depois de a Interpol (organização internacional de polícia criminal) ter informado às autoridades mineiras que o garoto fazia parte de uma rede na internet de caráter duvidoso e que poderia estar planejando um atentado à uma escola da cidade, onde o jovem estudou até 2017.

De acordo com a PCMG, não é possível afirmar ainda que a rede à qual o jovem estaria ligado era de perfil terrorista ou ameaçador, pois o caso está sendo apurado. A polícia disse ainda que há indícios de que o possível ataque a uma escola seria motivado pelo fato de o jovem ter sofrido bullying, mas a informação está sendo levantada.

A Polícia Civil de Minas Gerais foi procurada pela Interpol na quarta-feira passada (31). Na mesma data, a PCMG cumpriu mandado de busca e apreensão na casa dos pais do adolescente. Dois computadores foram apreendidos e estão passando por perícia em Belo Horizonte. Não foi encontrada nenhuma arma.

“O adolescente permanece com os pais e há previsão de uma reunião, para esta semana, com a Promotoria de Justiça e os pais do adolescente. O inquérito policial já foi instaurado e a investigação está a cargo da polícia mineira’, informou nota da PCMG.

Procurada pelo BHAZ neste domingo (4), a assessoria de imprensa da Polícia Civil informou ainda que “relatórios da Superintendência de Informações e Inteligência Policial não são divulgados para não atrapalhar as investigações em curso”.

Comentários