Home Notícias BH ‘Open Tiro’: Bar de BH suspende armas de pressão e cancela evento

‘Open Tiro’: Bar de BH suspende armas de pressão e cancela evento

O Destro Bar, localizado no bairro Sion, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, suspendeu por tempo indeterminado uma atração que oferecia sessões de tiro ao alvo com armas de airsoft. A atividade era vendida para clientes durante os dias de funcionamento do local e chegou a ser anunciada como um “open tiro”.

A iniciativa foi suspensa nesta semana depois que o bar tornou-se alvo de questionamentos relacionados à regularidade do espaço para a prática. O Destro Bar divulgou uma nota em que fala a respeito de futuras providências para que a atração seja retomada (veja na íntegra abaixo).

A prática de tiros com armas de airsotf é considerada um esporte no Brasil, mas o Centro de Comunicação Social do Exército diz que é necessário uma licença específica para que a atividade seja realizada.

+ Bar de BH promove ‘Open Tiro’ com réplicas de pistola e metralhadora, e levanta questionamentos

Procurada pelo BHAZ, a Secretária de Políticas Urbanas de Belo Horizonte informou que o local tem apenas o alvará destinado para “Bares e Restaurantes e Serviços de alimentos”, sendo necessário então que o estabelecimento peça a inclusão das atividades com armas de airsoft em sua documentação.

Sem o alvará, a equipe do O Destro Bar decidiu cancelar o “open tiro” por tempo indeterminado. O estabelecimento publicou nas redes sociais uma nota oficial sobre a suspensão da atração e afirmou que já toma medidas para a regularização da prática. Além disso, lamentou que mais uma vez “a intervenção estatal na iniciativa privada traz ao cidadão restrição de diretos”.

Divulgação/O Destro Bar

Nota oficial do O Destro Bar na íntegra

“Em virtude da grande repercussão da matéria veiculada no BHaz sobre o “Open Tiro”, houve questionamentos sobre a sua regularidade.

Contatados pelo Exército Brasileiro, já estão sendo tomadas medidas para regularização do tiro “air soft”.

Infelizmente, mais uma vez a intervenção estatal na iniciativa privada traz ao cidadão restrição de direitos sem qualquer justificativa e/ou risco para a sociedade.

Atento e obediente às determinações regulamentares e em respeito às nossas Forças Armadas, a utilização das armas de pressão estão temporariamente suspensas.

Não obstante, engajado na luta pelos direitos civis e na filosofia de que o cidadão seja livre para escolhas, manteremos nosso “tiro” com pistolas de água.

#PeloFimdoDesarmamento”

Comentários