Home Veículos Acelera aí Tropa de choque chinesa

Tropa de choque chinesa


Apostando alto na eletrificação do mercado brasileiro, a chinesa JAC Motors resolve trazer cinco modelos movidos a eletricidade. O SUV iEV 40, que tem motor de 115cv, 300 quilômetros de autonomia e preço de R$ 153.900, chega este mês. Depois desembarcam, em dezembro deste ano, o caminhão iEV 1200T (R$ 259.900); em janeiro de 2020, o SUV compacto de entrada iEV 20 (R$ 119.900); em abril de 2020, a picape média iEV 330P (R$ 229.900); e, em julho do ano que vem, o SUV médio iEV 60 (R$ 198.900).

Dos cinco elétricos da JAC, o iEV 40 é o primeiro a chegar ao Brasil e já está à venda por R$ 153.900 (Foto: JAC Motors/Divulgação)

Os chineses assumiram o protagonismo no mercado mundial de carros elétricos, que vem crescendo a cada ano. Em 2018, 61% das vendas de todos os modelos 100% elétricos (que representou 1.250.000 unidades) ocorreram na China. No primeiro semestre deste ano, das mais de 430 mil unidades vendidas em todo o mundo, 90% são modelos de marca genuinamente chinesas. Nesse cenário, a JAC Motors é o quinto maior fabricante mundial dos chamados BEV’s (Battery Electric Vehicle) e seus modelos estão na sétima geração do que eles denominam de iEV (Intelligent Electric Vehicle).

A iEV 330P, que chega em abril de 2020, é a primeira picape elétrica a ser produzida em série (Foto: JAC Motors/Divulgação)

Mesmo sabendo que as características do mercado brasileiro são bem diferentes de outros países onde os elétricos proliferam – o Brasil tem um programa de etanol e uma boa produção de petróleo –, a JAC resolveu investir pesado no segmento dos elétricos, embora mantenha a sua linha de modelos com motores a combustão.

Leia também: JAC traz novo SUV T80

Todos os modelos têm uma tela central que mostra o nível de carga das baterias e a autonomia (Foto: JAC Motors/Divulgação)

Maior eficiência energética

Como benefícios dos veículos movidos a eletricidade em relação aos carros com motor a combustão, a marca chinesa destaca: zero emissão de poluentes, maior eficiência energética, menor poluição sonora, baixo custo de manutenção e de utilização e alguns benefícios fiscais (IPVA, ficar fora do rodízio em São Paulo).

O pequenino iEV 20 é o modelo de entrada na família dos elétricos da JAC e custa R$ 119.900 (Foto: JAC Motors/Divulgação)

Por outro lado, reconhece que os modelos elétricos ainda têm uma autonomia limitada, sendo, por isso, veículos com vocação mais urbana, sendo incompatíveis com viagens mais longas. Para recarregar as baterias, o dono do carro pode comprar um carregador portátil, que usa qualquer tomada de 220V, leva cerca de 14 horas para a carga total e custa R$ 3.900; ou um Wall Box, que é instalado na residência, custa R$ 8.500 e leva menos de 4 hora para atingir 80% da carga total.

Leia também: Conheça o compacto JAC T50

Na maioria dos modelos, o ponto para colocar a tomada de recarga fica na grade dianteira (Foto: JAC Motors/Divulgação)

A JAC Motors tem atualmente 21 concessionárias espalhadas pelo Brasil. A de Belo Horizonte fechou as portas recentemente. Mas o presidente do Grupo SHC e da JAC Motors Brasil, Sergio Habib, garantiu que uma nova loja será aberta na capital mineira até o início de 2020. Com garantia de cinco anos, incluindo as baterias, os modelos elétricos que chegam ao Brasil são os seguintes:

JAC iEV 20 (R$ 119.900) – Com 3,78m de comprimento, o SUV de entrada da marca tem motor de 68cv de potência e 21,9kgf de torque e autonomia (pela norma NEDC) de 320 quilômetros, podendo chegar a 400 com a função Low acionada.

JAC iEV 40 (R$ 153.900) – O motor de 115cv faz com que o SUV gaste apenas 9,8s para chegar aos 100km/h e chegue aos 140km/h de máxima. Sua autonomia é de cerca de 300 quilômetros. Com sistema de regeneração de carga, ele percorre 7,7km/kW.

O SUV médio iEV 60, que chega em julho de 2020, é o que tem a tecnologia mais refinada (Foto: JAC Motors/Divulgação)

JAC iEV 60 (R$198.900) – É o modelo mais refinado tecnologicamente entre os cinco. Com motor de 150cv de potência e de 330Nm de torque, ele tem autonomia que pode chegar aos 400 quilômetros pelo modo Eco (norma NEDC).

JAC iEV 330P (R$ 229.900) – Trata-se da primeira picape média elétrica que chega ao mercado brasileiro. Com 800 quilos de carga útil, ela tem motor de 150cv de potência e torque de 330Nm, tração traseira (4×2) e 320 quilômetros de autonomia.

JAC iEV 1200T (R$ 259.900) – Primeiro caminhão totalmente elétrico produzido em série, o modelo tem capacidade para seis toneladas de PBT, 97kWh e 200 quilômetros de autonomia.

Texto: Eduardo Aquino



Acelera Ai

Acelera Ai

Jornalistas Eduardo Aquino e Luís Otávio Pires são os editores do site Acelera Aí e da seção veículos do portal Bhaz

Comentários