Home Notícias Brasil Assessor do PSL descarrega arma em foto de Lula ao praticar tiro ao alvo

Assessor do PSL descarrega arma em foto de Lula ao praticar tiro ao alvo

Um policial civil e assessor do deputado André Fernandes (PSL-CE) virou alvo de críticas e comentários nesta segunda-feira (30) por conta de um vídeo publicado nas redes sociais. Nas imagens, Alberto Vieira Júnior pode ser visto praticando tiro ao alvo com uma foto do ex-presidente Lula.

Depois de realizar vários disparos contra a imagem de Lula sorridente, Vieira Júnior ainda fez uma referência ao ex-procurador geral da República, Rodrigo Janot. “Janot, a gente faz é assim para não tirar a vida de ninguém. Bota uma foto e descarrega. Babau!”, disse.

+ ‘Ia matar o Gilmar e me matar depois’: Janot diz que foi armado ao STF

Logo que o vídeo começou a repercutir, o deputado André Fernandes usou o Twitter para comentar o assunto. Ele disse que Vieira Júnior é “um senhor de 58 anos de idade” que tem “maturidade suficiente para responder pelos próprios atos”.

Ver essa foto no Instagram

Janot quando um BANDIDO coloca uma pedra no seu caminho você descarrega sua raiva desse jeito, depois BA BAU. SIGA @inspetoralbertoopressor . . . . . . . . . . #bolsonaro2022 #bolsonaro #ptnão #lulaladrao #vida #paz #brasilia #politica #flaviobolsonaro #carlosbolsonaro #eduardobolsonaro #mito #riodejaneiro #saopaulo #brasilia #direitacearense #lulatapresobabaca #tbt #policiacivil #policiamilitar #policiafederal

Uma publicação compartilhada por Inspetor Alberto (@inspetoralberto) em

Nos comentários da postagem, no entanto, internautas mostram-se divididos com a postura do parlamentar. Para alguns, ele deve assumir uma posição por ter Vieira Júnior como assessor. Para outros, as imagens são problemáticas por conta da naturalização da violência.

Ao G1, o assessor disse que não quer que Lula morra e defendeu-se explicando que no lugar da foto do ex-presidente poderia ser qualquer outra pessoa, ou animal. “Podia ser um cachorro [na foto], podia ser um cavalo, um jumento. Podia ser o Che Guevara, porque eu tenho nojo dele, é uma foto”, disse. “Eu digo às pessoas que, quando tiver com raiva, você bote a foto; se tiver uma arma, detone, mas não saia matando, não saia com uma arma no meio da rua dizendo que vai matar o povo”, completou.

E você, o que acha?

Comentários