Home Notícias Esportes ‘É melhor ser porco do que outros bichinhos’: Bolsonaro usa mascote do Palmeiras para atacar opositores

‘É melhor ser porco do que outros bichinhos’: Bolsonaro usa mascote do Palmeiras para atacar opositores

O presidente Jair Bolsonaro usou como exemplo o time pelo qual diz torcer, o Palmeiras, para ironizar opositores ao projeto de lei que amplia o porte de armas. O  PL 3723-19 está tramitando na Câmara dos Deputados. 

Bolsonaro usou um dos símbolos não oficiais do clube, o porco, que foi absorvido pelo torcedor palmeirense, para atacar quem o contraria na proposta.  “É melhor ser porco do que outros bichinhos”, disse durante a live semanal de quinta-feira no Facebook. 

O presidente citou como surgiu o apelido de porco para o Palmeiras, contando que a alcunha apareceu quando um caminhão que transportava suínos foi usado para ofender os torcedores palmeirense, mas achou virando um apelido usado pelo próprio clube.

“Temos o projeto 3723 tramitando na Câmara. Conversei com o Rodrigo Maia (presidente da Câmara) semana passada e hoje, e ele pretende botar em pauta o mais rápido possível. Agradeço a ele essa iniciativa em botar em pauta e vai ser aprovado. Eu pretendo, juntamente com o presidente da Câmara e com o pessoal da bancada da bala… pessoal quer sempre depreciar a gente, mas bancada da bala não tem problema, não”, disse, para em seguida explicar a origem do porco sob sua perspectiva.

“Tem um caminhão que estava escrito o seguinte: ‘não sou palmeirense, mas transporto a torcida’. O cara deve ser corintiano, são-paulino ou santista. Então, é para ofender a torcida do Palmeiras. Eu sou palmeirense. A torcida resolveu então levar na brincadeira e hoje em dia somos porco. Melhor ser porco do que outros bichinhos por aí. Não fala o nome, porque pode dar processo”, disse Bolsonaro.

Comentários