Home Veículos Acelera aí AutoData: Grupo PSA terá carro global fabricado em Porto Real (RJ)

AutoData: Grupo PSA terá carro global fabricado em Porto Real (RJ)



Começam em novembro as transformações na fábrica do Grupo PSA (Peugeot/Citroën) em Porto Real (RJ) para receber a nova plataforma modular CMP. Em dois anos a unidade produtiva sul-fluminense terá condições de produzir novos modelos, em linha com o que a PSA oferece no mundo. El Palomar, na Argentina, também recebeu a CMP, e a produção começa antes: já no ano que vem saem dessas modernas linhas um novo modelo.

Fábrica da PSA em Porto Real, no Rio de Janeiro (Foto: PSA/Divulgação)

Mais investimento

A plataforma CMP demandou investimento de R$ 220 milhões no Brasil para sua instalação. Os novos modelos globais conviverão com os montados sobre a BVH1, atual plataforma de Porto Real.

Novo 208

A expectativa é a de que o primeiro carro CMP a sair da Argentina seja o Peugeot 208 – a PSA ainda não confirma oficialmente. O Grupo PSA promete um novo produto por ano, por marca, na região.

Dobrar mercado

O objetivo da PSA é conquistar 5% de participação do mercado brasileiro. As 36,3 mil unidades vendidas de janeiro a setembro deste ano não alcançam 2% da fatia atual.

Luiz Carlos Moraes, da Anfavea: revisão nas projeções (Foto: Anvafea/Divulgação)

Na reta final?

Seis meses após tomar posse o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, anunciou a revisão das projeções para vendas, produção e exportação. Durante quase uma hora repetiu mais de dez vezes que a crise na Argentina é a razão para a redução da atividade automotiva nacional.

Ninguém ouviu

Desde o início do segundo semestre o mercado aguardava a revisão para produção e exportação, de olho na crise na Argentina. A surpresa, que foi minimizada pelo presidente da Anfavea, é a redução das vendas domésticas. Moraes disse muito pouco sobre as razões dessa revisão: “Ajuste técnico muito pequeno, portanto não significativo”.

60 mil

Até o fim do ano a Anfavea espera que sejam vendidos 2 milhões 800 mil automóveis, aumento de 9,1% sobre as vendas do ano passado. A expectativa anterior projetava um mercado interno de 2 milhões 860 mil veículos em 2019.

A conta não bate

O mais curioso dessa matemática é que a maioria dos presidentes das montadoras consultadas por AutoData para matéria de Perspectivas 2020 disse que suas vendas estão crescendo dois dígitos porcentuais este ano.

Leia também: Revista AutoData Perspectivas 2020

Subtração

O reflexo das vendas internas na produção nem de longe supera o desastre contabilizado por conta do principal parceiro automotivo do Brasil, a Argentina. A indústria começou 2019 planejando crescer 9% sobre 2018 com a produção de mais de 3 milhões de unidades. A Anfavea reduz agora para 2 milhões 940 mil veículos, revisão para alta de 2%. Essa conta retira 170 mil unidades que seriam exportadas este ano.

Renault Twizy está no sistema de carsharing em Brasília (Foto: Renault/Divulgação)

Desoneração

O governo do Distrito Federal anunciou isenção de IPVA para veículos elétricos pelos próximos cinco anos. Com o incentivo o governador Ibaneis Rocha pretende “transformar Brasília na capital nacional da tecnologia e sustentabilidade”.

Twizy

Os servidores do governo distrital têm à sua disposição dezesseis veículos elétricos Renault Twizy, para uso em sistema de carsharing. A iniciativa foi bancada pela ABDI, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial, e o aplicativo desenvolvido pelo PTI, Fundação Parque Tecnológico Itaipu.

Smart Cities

A parceria começou a ser discutida durante o evento Smart City, realizado em março em Curitiba, PR. Não deve ser a única: ao menos mais duas cidades mantêm conversa com a ABDI para adotar a iniciativa.

Edição: Leandro Alves e André Barros.

Acesse: www.aceleraai.com.br

Acelera Ai

Acelera Ai

Jornalistas Eduardo Aquino e Luís Otávio Pires são os editores do site Acelera Aí e da seção veículos do portal Bhaz

Comentários