Home Notícias BH Advogada ameaça matar colega após audiência ser remarcada em BH: ‘Tentou me morder e dar um tapa’

Advogada ameaça matar colega após audiência ser remarcada em BH: ‘Tentou me morder e dar um tapa’

Uma advogada, de 48 anos, ameaçou matar uma colega de profissão no Fórum Lafayette, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, nessa quinta-feira (7). O adiamento de uma audiência foi o que causou a irritação da advogada do Rio de Janeiro. Além de ameaçar, segundo testemunhas, ela tentou agredir a vítima com tapas e mordidas.

Ao BHAZ, a advogada mineira Tamita Tavares, de 30 anos, disse que havia chegado para a audiência e foi informada de que a sessão havia sido adiada. “O Ministério Público apresentou novas provas e o juiz terá que analisá-las, por isso o adiamento. A advogada do Rio pensou que eu tinha apresentado um requerimento solicitando uma nova data e ficou exaltada”, disse Tavares.

Segundo Tamita, ao saber do adiamento, a advogada tentou agredi-la. “Ela ficou nervosa, pois saiu do Rio de Janeiro e não teve a audiência. Na secretaria do Fórum, disse que os advogados mineiros são preguiçosos e usou palavras de baixão calão. No corredor, ela tentou me empurrar e pedi para que respeitasse a advocacia mineira. Nessa hora, ela tentou me dar um tapa e morder, mas consegui segurá-la”, contou.

Conforme o registro do B.O. (Boletim de Ocorrências) a carioca também ameaçou matar Tamita, pois disse ser “advogada de facção”. A segurança do Fórum precisou intervir e as duas foram orientadas a ir à delegacia, mas somente a vítima se deslocou até o local.

O BHAZ tentou contato com a advogada acusada, mas não teve as ligações atendidas. A ocorrência foi encerrada na 4ª Delegacia da Polícia Civil de Minas Gerais.

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Jornalista no Portal Bhaz

Comentários