Home Notícias Esportes Ofensa racista! Segurança do Mineirão é xingado por torcedor do Atlético: ‘Olha sua cor’

Ofensa racista! Segurança do Mineirão é xingado por torcedor do Atlético: ‘Olha sua cor’

Um flagrante feito em meio à confusão instalada nas arquibancadas do Mineirão após o término do clássico Cruzeiro e Atlético, neste domingo (10), ilustra mais um episódio de ofensa racista no futebol. As imagens mostram torcedores do Galo indignados e discutindo com seguranças do estádio, que teriam bloqueado uma saída de emergência. Em determinado momento, bastante alterado, um dos atleticanos diz: “Filho da p***! Olha sua cor”.

O vídeo foi compartilhado pelo jornalista Lucas Von Dollinger no Twitter e, até as 21h deste domingo (10), acumulava cerca de 300 mil visualizações. Na gravação, é possível ouvir que os torcedores reclamam por não conseguirem sair do estádio, onde foi registrado um quebra-quebra. Além disso, o homem que ofende o segurança negro também diz que foi atingido por um tapa.

Aos 55 segundos do vídeo, o torcedor que usa uma camisa listrada do Atlético protagoniza a ofensa de cunho racial. Ele ainda não foi identificado. Diante da fala, o segurança reage: “Você é racista?”. Confira:

Nas imagens, é possível ver que o ex-deputado estadual Iran Barbosa também aparece reclamando do bloqueio da saída de emergência. Pelo Twitter, ele reforçou que quer a prisão do autor da ofensa racial. Em seguida, explicou o motivo inicial da revolta dos torcedores com os seguranças.

“Com uma saída de emergência bloqueada por gás lacrimogêneo e a outra bloqueada por seguranças, vi minha esposa vomitar, minha mãe passar mal e até mesmo um bebê de colo chorando desesperadamente. Esses homens colocaram todas essas vidas em risco”, explicou.

Procurada pela reportagem, a administradora do Mineirão, Minas Arena, ainda não se manifestou sobre o ocorrido. Tão logo se posicione, este texto será atualizado. O Atlético divulgou uma nota no Twitter na qual repudia qualquer ato de violência.

Interpretação jurídica: Racismo x Injúria racial

A injúria racial consiste em ofender a honra de alguém valendo-se de elementos referentes à cor, etnia, religião ou origem. A pena é de um a três anos de prisão, além de multa. Já o racismo atinge uma coletividade indeterminada de indivíduos, discriminando toda a integralidade de uma raça. A pena é de prisão e pode ser de um a cinco anos, dependendo da gravidade do caso.

Ao contrário da injúria racial, o crime de racismo é inafiançável e imprescritível. Clique aqui para saber mais.

Comentários