Home Notícias Minas Gerais Idoso é morto por discordar de valor de programa e suspeita leva tiros em vingança

Idoso é morto por discordar de valor de programa e suspeita leva tiros em vingança

Um idoso de 80 anos foi morto a facadas nesse sábado (4), em Carlos Chagas, na região do Vale do Mucuri, em Minas Gerais. A motivação do crime seria o desacordo no pagamento de um programa sexual. A suspeita do crime, de 31, foi baleada numa tentativa de vingança por um adolescente, de 17.

De acordo com uma das filhas do idoso, a mulher sempre ia à casa do pai para realizar programas e informou que ela é usuária de drogas. Na tarde de ontem, a filha ouviu o pai gritando e ao sair observou a suspeita fugindo com uma faca na mão.

O idoso foi encontrado morto deitado na cama e bastante ensanguentado. A perícia não precisou quantas vezes o idoso foi atingido.

Vingança

Enquanto a polícia procurava pela suspeita, chegou a informação de que ela tinha sido baleada em um posto de combustível, no Centro da cidade.

No local a mulher estava caída, com diversos projéteis espalhados pelo chão, conforme o registro da ocorrência. Testemunhas contaram que um dos filhos do idoso é membro de uma facção criminosa. A suspeita é de que ele havia ordenado a morte da mulher.

O autor dos disparos, segundo os populares, foi um adolescente, de 17 anos, conhecido na região por ter envolvimento com o tráfico de drogas. A mulher levou sete tiros, sendo três no braço esquerdo, um no ombro, punho, na região lombar e outro próximo da mandíbula. Ela precisou ser transferida para Teófilo Otoni devido à gravidade dos ferimentos.

A faca e outros objetos da mulher foram apreendidos e o autor do disparo não foi localizado até o encerramento da ocorrência.

Comentários