Home NotíciasPolíticaZema se declara candidato à reeleição em meio ao caos das chuvas em Minas

Zema se declara candidato à reeleição em meio ao caos das chuvas em Minas

Em meio ao caos provocado pelas chuvas em Minas Gerais, o governador do Estado, Romeu Zema (Novo), aproveitou para se lançar como candidato à reeleição para o próximo pleito de 2022. A declaração de Zema foi dada em entrevista ao canal GloboNews, na noite desta quarta-feira (29).

É a primeira vez em que o governador fala sobre o tema reeleição. “Gostaria muito de fazer Minas se transformar. Se em quatro anos der, ok. Se não der, quem sabe tentaremos um segundo mandato para deixar o trabalho completo”, afirmou Zema.

Na sequência, a jornalista Cristiana Lôbo questionou se aquilo seria uma confirmação à reeleição: “Então é candidato?”. “Sim”, respondeu Zema.

A afirmação do governador repercutiu negativamente nas redes sociais. Alguns usuários entenderam que a declaração de Zema veio em momento inoportuno, por conta dos estragos das tempestades em Minas.

Mortes e destruição

Até o momento, 55 pessoas morreram por conta das chuvas no Estado. Além disso, cerca de 53,3 mil foram afetadas, sendo 44,9 mil desalojados, 8,2 mil desabrigados, 65 feridos, 55 mortes e um desaparecido, na cidade de Conselheiro Lafaiete, na região Central do Estado. Ao todo, 101 cidades seguem em situação de emergência por conta das tempestades.

Nessa quarta, Romeu Zema anunciou a antecipação de R$ 336 milhões aos municípios que estão em situação de emergência por conta das chuvas que atingem o Estado. O valor é referente as parcelas de fevereiro e março do acordo firmado entre o Governo e a AMM (Associação Mineira dos Municípios) no ano passado.

Belo Horizonte receberá R$ 200 milhões da antecipação, mesmo sem ter assinado o acordo. As parcelas, que seriam pagas no dia 31 de cada mês, serão quitadas no dia 12 para os 124 municípios que estão em estado de emergência. Os outros continuarão recebendo no último dia do mês.

Avatar

Rafael D'Oliveira

Rafael.doliveira@bhaz.com.br

Comentários