Home Guia BHAZRessaca de Carnaval com muito samba, pagode e blocos de rua neste fim de semana em BH

Ressaca de Carnaval com muito samba, pagode e blocos de rua neste fim de semana em BH

A sensação é que Belo Horizonte teve um dos melhores carnavais dos últimos tempos, com milhares de pessoas nas ruas ao som de vários ritmos. Mas a folia não acabou! Neste fim de semana a agenda está repleta de programas legais para todo tipo de folião ou foliã.

Na sexta-feira (28), a turma de samba e choro, liderada pelos músicos Daniel Capu, Artur Pádua e Ciro, comanda a tradicional roda Baticum, em uma das regiões mais musicais da cidade, a Concórdia. No Santa Efigênia, Fabinho do Terreiro também se apresenta.

Leia mais: Trecho da BR-381 será interditado nesta sexta-feira

No sábado, um dos destaques é a ressaca de Carnaval na quadra da escola de samba Cidade Jardim, com os blocos Volta Belchior e Bebadosamba, este último em homenagem a Paulinho da Viola.

No domingo, Manu Dias é a atração de mais uma edição do “Samba do Quintal. Outra dica é a roda de samba comandada por um dos grandes compositores mineiro, Lado Raízes, no bairro São Geraldo.

O fim de semana também é de desfile dos blocos de rua, como o tão aguardado cortejo do “Filhas de Clara”, em homenagem a cantora mineira Clara Nunes, no bairro Renascença. Quem anima os foliões é a sambista Aline Calixto. Na Lagoinha, os blocos Leão da Lagoinha, Afoxé Ilê Odara, Bigode e Orisamba fazem desfile pela rua Itapecerica.

Leia mais: Gelado! BH tem sensação térmica de -1ºC; frio deve continuar

Confira o restante da programação de Carnaval, além das melhores rodas de samba, pagode e choro! Clique aqui.

Almanaque

Almanaque

O Almanaque do Samba - A Casa do Samba de Minas Gerais é um projeto patrocinado pela Cemig, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura (2011/001/2017), que busca valorizar o samba no estado e os artistas mineiros. Tem um portal (www.almanaquedosamba.com.br) e um programa de rádio, que vai ao ar aos sábados, às 21 horas, pela Rádio Inconfidência (880AM). O conteúdo também pode ser acessado por meio das redes sociais (Facebook, Instagram e Youtube).

Comentários