Home Guia BHAZAquário de BH comemora aniversário com visita noturna, música, jogos e mais

Aquário de BH comemora aniversário com visita noturna, música, jogos e mais

aquário da bacia do são francisco

Que tal aproveitar o tempo livre para fazer um passeio que promete agradar a família inteira? O Aquário da Bacia do Rio São Francisco comemora dez anos na próxima quinta (5) e vai ganhar uma programação especial para a ocasião. As atividades programadas incluem a tradicional visita noturna, já apreciada pelo público, e opções para estudantes.

A programação vai contar com jogos educativos, exposições ambientais, apresentações de teatro e música e visitas agendadas para 600 alunos de escolas públicas e particulares da capital. As atividades são resultado de parcerias entre a Fundação e o Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema/MG), além do Projeto Manuelzão, Copasa e Guarda Municipal de Belo Horizonte.

História

O Aquário da Bacia do Rio São Francisco foi inaugurado em 5 de março de 2010. Ocupando uma área de aproximadamente 3.000 m², o aquário tem 22 tanques que contam com um total de mais de 1 milhão de litros de água. Esses espaços foram ambientados de forma a representar o Rio São Francisco, propiciando as condições adequadas para exibição de diversas espécies sob cuidados humanos.

A maior atração do complexo é o Tanque Maior ou “Aquário São Francisco”, com capacidade para 450 mil litros de água. O tanque representa um “braço” do Velho Chico, onde o visitante pode conhecer uma cenografia que apresenta tanto a sua margem, quanto o fundo do rio.

Entre os destaques do São Francisco que podem ser conhecidos e apreciados no local estão: surubins, dourados, curimatãs, matrinxãs, piaus, pacamãs, cascudos, lambaris, mandis, piranhas, pacus, curimbas, piabas e pirambebas, entre outros.

Programação de aniversário

  • Atividades diurnas – das 9h às 16h:

Atividades oferecidas em parceria com o Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos – SISEMA – são voltadas para as escolas municipais, estaduais e da rede particular, mediante agendamento, sendo 300 vagas para o turno da manhã e 300 vagas para o turno da tarde. O público visitante das unidades da Zoobotânica (Jardim Zoológico e Jardim Botânico) também pode participar das exposições e apresentações de teatro e música.

Jogo “Corrida contra o desperdício” – De gota em gota, os participantes vão percorrendo o jogo onde não se deve desperdiçar água. A cada mau hábito saído nas cartas, o participante perde água do seu pote. Ganha o jogador que chegar ao final com a maior quantidade de água devido aos bons hábitos em relação ao consumo desse recurso.

Exposição Projeto Manuelzão – O Ônibus do Manuelzão é uma unidade móvel de educação ambiental, com todo o seu conteúdo sobre o tema água doce, além de peixes da bacia do Rio das Velhas como dourado, barrigudinho e piranha e animais invertebrados que auxiliam no biomonitoramento das águas. Também há exposição de uma maquete do Rio das Velhas, demonstrações de disponibilidade da água e amostras de água de lugares preservados, como cachoeiras, e alterados, como a Lagoa da Pampulha e o Rio Arrudas.

Exposição “Amigo da Água”: conheça as práticas que fazem de você um bom amigo da água. Saiba mais sobre o ciclo da água e como ela chega em nossas casas. O que acontece com ela depois que ela é usada? Venha descobrir participando do painel com várias dicas e curiosidades.

Apresentação da Banda da Guarda Municipal – às 15h45: Com quase 13 anos de história, a Banda da Guarda Municipal é composta por 44 instrumentistas que percorrem as nove regionais da capital mineira animando festas em unidades de ensino, participando de concertos didáticos e se apresentando nas praças, estações de ônibus e parques da cidade.

  • Atividades noturnas:

Uma noite no Aquário – das 18h às 20h30: Visita noturna ao Aquário da Bacia do Rio São Francisco, aberta ao público. O Aquário é composto por 22 tanques e, com a visita noturna, o visitante terá a oportunidade de ver o local com um olhar diferente e, acima de tudo, conhecer as espécies que possuem hábitos noturnos. Entre eles, o destaque é o surubim, um dos maiores peixes de água doce do Brasil.

O outro lado do Aquário:  – Nesta atividade, o visitante tem a oportunidade de conhecer os bastidores do Aquário, participando de um percurso que inclui os laboratórios e uma visão de todo o funcionamento dos tanques. Ali vão conhecer os cuidados e curiosidades das espécies de peixes da Bacia do São Francisco, inclusive algumas ameaçadas de extinção.

Brincando de cientista da Natureza: Conhecendo os pequenos habitantes de riachos. Quem são? O que fazem? Por que é importante conservá-los? Venha conhecer um pouquinho desses peixinhos que vivem nos córregos. Exposição lúdico-interativa com curiosidades sobre os peixes de riachos. Atividade oferecida pela UFMG – Laboratório de Ecologia de Peixes.

Jogo “Corrida contra o desperdício”:De gota em gota, os participantes vão percorrendo o jogo onde não se deve desperdiçar água. A cada mau hábito saído nas cartas, o participante perde água do seu pote. Ganha o jogador que chegar ao final com a maior quantidade de água devido aos bons hábitos em relação ao consumo deste recurso.

Programação especial do Aquário da Bacia do São Francisco

Onde? Avenida Otacílio Negrão de Lima, 8000 – Bandeirantes / Visitas noturnas na avenida Antônio Francisco Lisboa, 2600 – Pampulha

Quando? Quinta-feira, 5 de março, das 9h às 16h30 ou das18h às 20h30 (com permanência até as 21h)

Quanto? Valores podem ser conferidos neste link, ao fim da página.

Informações? Acesse aqui

Giovanna Fávero

Giovanna Fávero

Estudante de Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). Escreve com foco na área de Guia e Cultura no BHAZ.

Comentários