Home NotíciasBH‘Estão relaxando?’: Kalil alerta população e diz que ‘o pior’ pode começar na quarta-feira

‘Estão relaxando?’: Kalil alerta população e diz que ‘o pior’ pode começar na quarta-feira

kalil relaxou pandemia coronavirus

O prefeito Alexandre Kalil (PSD) fez um alerta para a população de Belo Horizonte, nesta quinta-feira (26), por meio do Twitter. O político perguntou aos belo-horizontinos se já estariam “relaxando”, e ainda falou que “o pior” pode ter início na quarta-feira (1º) ao comentar a pandemia da Covid-19. Nas redes sociais, as pessoas reagiram à fala de Kalil.

“Estão relaxando??? Segundo os técnicos e especialistas, o pior começa na quarta-feira”, disse o prefeito pelo Twitter. As pessoas ficaram divididas com a postagem do prefeito de BH, alguns querem a volta ao trabalho, outras têm medo de sair de casa.

“Kalil, sou seu fã, mas deixa de politicagem. As contas não param! Quem vai pagar as contas que chegam? Cuidado SIM, parar de trabalhar NÃO!”, disse um homem. Uma outra pessoa diz que cumpre o isolamento, apoiando as medidas do político para Belo Horizonte. “Em casa, precisando ir ao mercado, mas apavorada só de pensar”. Veja a repercussão:

Kalil rebate Bolsonaro

O político também publicou um vídeo em que fala a respeito do pronunciamento polêmico do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que sugeriu flexibilizar o isolamento, nessa terça-feira (24).

No Instagram, Kalil disse que gostaria de saber qual o médico, cientista ou especialista orientou Bolsonaro para que o presidente fizesse o pronunciamento. Segundo o prefeito de BH, as falas de Bolsonaro foram ”uma desconstrução muito difícil do que nós humildes prefeitos e governadores estamos tentando fazer nesse país”, disse em referência às medidas de prevenção contra a Covid-19.

”Eu não posso me furtar, não faz parte do meu estilo, de lamentar profundamente a fala do presidente da República. Aquilo é uma desconstrução muito difícil do que nós humildes prefeitos e governadores estamos tentando fazer nesse país”, comentou Kalil.

”Eu lamento muito, e gostaria de saber qual o médico, cientista e especialista o orientou para que fizesse um pronunciamento em cadeia nacional para nação. O nome desse médico, desse cientista seria muito importante. Foi pauta de campanha do presidente ter homens técnicos no seu lugar, e na primeira vez que apareceu um homem técnico dando instruções técnicas ele foi desmoralizado pelo presidente da República”, continuou.

”Mas é o óbvio que nós sabemos que tem que ficar em casa
Dito isso, porque não sou de ficar de nhem nhem nhem, temos que repudiar o que lutamos tanto para conseguir”, completou o prefeito no vídeo em que também fala das medidas tomadas pela prefeitura na capital. Veja o vídeo:

Ver essa foto no Instagram

#covid19

Uma publicação compartilhada por Alexandre Kalil (@alexandrekaliloficial) em

Comentários