Home NotíciasBHMapa da Covid-19: Região Centro-Sul supera a Oeste e é a que tem mais casos confirmados da doença

Mapa da Covid-19: Região Centro-Sul supera a Oeste e é a que tem mais casos confirmados da doença

As maiores incidências de casos confirmados de Covid-19 em Belo Horizonte foram registradas nas regiões Centro-Sul e Oeste. Os mapas inseridos no boletim epidemiológico da Prefeitura da capital, e divulgados nessa segunda (4), apontam que todas as regiões da cidade já registram casos do novo coronavírus.

Belo Horizonte tem, até esta terça-feira (5), 851 casos confirmados da doença e 22 óbitos. As notificações de casos de síndrome respiratória aguda grave na cidade já são 1.825 em 2020, o que representa um aumento de 346,6% em relação ao mesmo período no ano passado.

Leia mais: Sem água! Mais de 30 bairros terão o abastecimento interrompido em BH e Ibirité; veja quais

Os mapas, que apresentam os dados coletados até o dia 23 de abril, apontam as regiões mais afetadas pela Covid-19 em Belo Horizonte. No primeiro mapa divulgado pela PBH, os pontos mostravam que a região Oeste era a que concentrava a maior quantidade de casos.

+ Covid-19: Prefeitura divulga mapa com bairros de BH mais afetados pela doença

Agora, a região Centro-Sul superou a Oeste e apresenta grande intensidade de casos da doença. Os bairros Santa Efigênia, Funcionários, Savassi, Gutierrez, Cruzeiro, Sion, Serra, Belvedere, Buritis e Centro são os que concentram mais casos confirmados de Covid-19 na cidade.

Leia mais: Brasil passa da marca de 1,5 milhão de casos confirmados de Covid-19; mais de 60 mil morreram
Mapa mostra os locais com confirmações da Covid-19 em BH (SMSA/Reprodução)

As regiões Nordeste, Noroeste, Pampulha e Venda Nova também apresentam pontos de maior intensidade. Também há casos confirmados no Barreiro e na região Norte, que apresentam a menor taxa de contaminação na capital.

Todas as regiões de Belo Horizonte já apresentam casos confirmados de Covid-19 (SMSA/Reprodução)

Reforce a proteção contra o vírus

A SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais) orienta que a população tome algumas medidas de higiene respiratória para evitar a propagação da Covid-19, são elas:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.
Sofia Leão

Sofia Leão

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.

Comentários