Jogador de futebol americano de BH faz rifa para pagar tratamento de câncer

rifa mamute cancer
Onde de solidariedade pelo jogador chegou a mobilizar atletas fora do Brasil (André Sá Catrinque/Arquivo Pessoal)

Um jogador de futebol americano, apelidado de Mamute por causa de seu tamanho e força, está enfrentando uma batalha contra o câncer. Mas, nesse caso, o atleta conta com a força presente na solidariedade das pessoas. André Sá Catrinque está promovendo uma rifa para bancar o tratamento da doença.

O jogador do time mineiro Betim Bulldogs recebeu o diagnóstico em dezembro de 2019, após sentir fortes dores na coluna e na virilha. Impossibilitado de realizar seu trabalho como personal trainer, o atleta tem recorrido a ajuda de amigos para combater a doença. “São pessoas que demonstram um amor e carinho que eu nem imaginava”, comenta.

O câncer que André enfrenta atualmente é, na realidade, um reaparecimento tardio de um tumor nos testículos que teve aos 14 anos. Hoje, aos 33, ele conta que é uma situação rara que a doença retorne depois de tanto tempo. 

Para o atleta, a pandemia é uma preocupação ainda maior do que o normal. Em meio ao tratamento por quimioterapia, o atleta está com baixa imunidade e tem reforçado o isolamento. “Provavelmente, devo fazer mais três ou quatro ciclos de quimioterapia, cada um de 21 dias, e, se Deus quiser, estarei curado!”, torce.

A união do esporte

A notícia do câncer veio enquanto André preparava o lançamento de sua própria marca de artigos esportivos, a #MAMUTE74. A primeira rifa tinha justamente o intuito de divulgar o projeto, mas com a mudança na vida do jogador, ele precisou direcionar a arrecadação para o tratamento. 

A ideia solidária acabou crescendo e movimentando todo o futebol americano no Brasil. Os atletas se uniram em torno da causa e realizaram o Mamute Bowl, um evento esportivo beneficente para ajudar André. Na ocasião, o jogador recebeu diversos artigos esportivos, que possibilitaram a organização de uma segunda rifa para ajudá-lo.

Jogo beneficente reuniu diversos atletas brasileiros do futebol americano (André Sá Catrinque/Arquivo Pessoal)

A causa chegou a mobilizar a comunidade do futebol americano até fora do país. “Até o Durval Queiroz, que é o único brasileiro que joga na NFL, mandou uma bola autografada pelo time que ele joga, para ajudar”, relata André.

A oração de uma mãe

Com o BHAZ, André compartilhou um texto escrito por sua mãe, Cleinice Rezende, que descreve com emoção a trajetória do atleta na luta contra o câncer. Ela conta que desde o primeiro encontro com a doença, aos 14 anos, André tem tido o apoio dos amigos.

“O companheirismo levou alguns amigos mais próximos a fazer do dia de raspar a cabeça, um evento festivo. Foi uma festa de garagem com a turma raspando a cabeça, com direito à banho de mangueira e muita alegria, como se fossem calouros recém aprovados no vestibular”, narrou.

Na carta, a mãe relembra com alegria a realização do sonho do filho de se tornar jogador de futebol americano. Porém, ressalta as dificuldade que André encontrou para conseguir um diagnóstico rápido e os obstáculos da falta financeira. No entanto, ela fala da gratidão pela rede de solidariedade que viu se formar ao redor do filho.

Ao lado da esposa (à esquerda) e da mãe (à direita), André recebe o apoio de amigos no momento difícil (André Sá Catrinque/Arquivo Pessoal)

“André resolveu divulgar o diagnóstico e expor as dificuldades financeiras para seus alunos, amigos, parentes e seguidores. Foi uma explosão de afeto, solidariedade, generosidade e amor. Como disse o MAMUTE, ele se sentiu tomado nos braços por tanto carinho e apoio que passou a receber”, relata.

“Sabemos que a batalha está só começando. Mas um MAMUTE é um sobrevivente. Ele é forte, valente, destemido. A coragem faz parte de sua natureza. E ele está cercado de luzes para guiar seu caminho. Amor, apoio, companheirismo e solidariedade não lhe hão de faltar”, declara.

Como ajudar na rifa

1° Prêmio – Pulseira Miami Dolphins doada pelo @duzao90oficial + Boné #MAMUTE74
2° Prêmio – Camisa Brasil Onças doada pela @kickball_br e @brasilfabr + Boné #MAMUTE74
3° Prêmio – Bola Miami Dolphins Autógrafada pela OL 2019 do Miami Dolphins doada pelo @duzao90oficial + Boné #MAMUTE74

Whatsapp direto para contato: https://whats.link/mamute74

Rifa – R$5,00
Basta informar quantas rifas deseja, depositar ou transferir o valor referente e encaminhar o comprovante via whatsapp para receber os números do sorteio.

SORTEIO: 09/10/2020
Live no Instagram: @andre.catrinque

Dados para pagamento:
NUBANK – 260
ANDRÉ REZENDE DE SÁ CATRINQUE
CPF: 080.558.866-36
Agência: 0001
Conta: 30664801-2
ou
Banco do Brasil
ISABELA ALVES ABREU
Agência: 4025-8
Conta corrente: 36.479-7
CPF: 102.549.936-05
ou
BANCO INTER – 077
ISABELA ALVES DE ABREU CATRINQUE
CPF 102.549.936-05
Agência 0001-9
Conta 3922760-0
ou
Solicitar emissão de boleto por Whatsapp para valores a partir de R$20,00

Guilherme Gurgel
Guilherme Gurgelguilherme.gurgel@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco nas editorias de Cidades e Variedades no BHAZ.