Cachorro defende homem em situação de rua de ataque com barra de ferro no Centro de BH

homem cachorro
O caso ocorreu nesta madrugada, no bairro Floresta (Google Street View/Reprodução)

Um cachorro atacou um agressor para proteger seu dono, um homem em situação de rua de 47 anos, durante uma briga na madrugada desta sexta-feira (22), na avenida do Contorno, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. O homem que atacava o dono do cachorro havia usado uma barra de ferro e carregava duas facas.

O suspeito da agressão, que também vive em situação de rua, tem 41 anos e foi internado no Hospital João XXIII após ser atacado pelo cachorro. Segundo o depoimento do dono do cão à Polícia Militar, ele estava dormindo quando o agressor o atacou.

A versão, confirmada à polícia por dois amigos da vítima, conta que, na noite da quinta-feira (21), o homem de 41 anos foi até o local onde os três vivem e disse que “não queria nem saber, só queria saber quem pegou o carrinho dele”. Depois disso, ele foi embora e os três homens dormiram.

Ainda segundo a ocorrência, por volta de 1h45 da sexta-feira, enquanto eles dormiam, o homem voltou ao local e começou a atacar a vítima de 47 anos no braço esquerdo, com uma barra de ferro.

Cão salva

O cachorro, que dorme com os três homens na rua, acordou e avançou no homem que agredia seu dono. De acordo com o depoimento da vítima, o cão desarmou o agressor e os outros dois homens pegaram as duas facas que caíram dele.

O homem de 41 anos continuou com a barra na mão e, segundo a vítima, disse que iria matá-la. A vítima aproveitou que o cachorro ainda avançava no agressor e conseguiu pegar a barra de ferro da mão dele e, de acordo com o próprio depoimento, bateu com ela na cabeça do homem que tentava atacá-lo.

Policiais do 1º Batalhão, durante um patrulhamento, se depararam com a cena do agressor ensanguentado no chão e do homem de 41 anos ao redor dele. Uma ambulância do SAMU foi acionada e os dois foram levados ao hospital. 

Ainda segundo a Polícia Militar, o homem já teria se envolvido em dois homicídios consumados, também contra pessoas em situação de rua. Ele foi preso em flagrante e internado no João XXIII. O dono do cachorro foi atendido para tratar a lesão no braço e liberado.

Sofia Leão
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.