Home NotíciasBrasil‘Foi desesperador’, conta mãe de garotinha de 2 anos que teve síndrome de Kawasaki

‘Foi desesperador’, conta mãe de garotinha de 2 anos que teve síndrome de Kawasaki

Por Érica Montenegro e Roberto Wagner

Uma síndrome inflamatória rara que pode ser desencadeada por uma infecção viral e vem sendo relacionada à Covid-19 deixou em pânico os pais da brasiliense Bela de Oliveira do Amaral Silva, de apenas dois anos.

Leia mais: Covid-19: Sete irmãs são contaminadas após encontro, uma morre

A aflição da família, que mora em Águas Claras, no Distrito Federal, começou em abril, um dia depois de a criança ter tomado a vacina contra influenza. A primeira suspeita – quando Bela apresentava apenas febre – foi de uma infecção bacteriana. Atendida em um pronto-socorro, foi medicada e voltou para casa, mas, em seguida, começou a apresentar manchas vermelhas pelo corpo.

+Nova doença misteriosa afeta crianças e OMS emite alerta; condição pode estar associada à Covid-19

A pediatra da confiança da família, Carolina Arantes, estava alerta, acompanhando a paciente diariamente apesar da distância imposta pelo isolamento social. “Já era o segundo remédio e não dava efeito. Outros sintomas apareceram, comecei a suspeitar que pudesse ser a síndrome de Kawasaki“, relata a médica. No dia 24 de abril, Carolina fechou o diagnóstico da paciente por meio de uma tele-consulta e pediu que a família buscasse imediatamente o pronto-socorro.

Leia mais: Neto que largou tudo para cuidar de avó de 105 anos lamenta morte

Leia a reportagem completa no Metrópoles, parceiro do BHAZ.

Comentários