Home NotíciasBHDono da lancha que virou e matou jovem nega que estava alcoolizado

Dono da lancha que virou e matou jovem nega que estava alcoolizado

lancha varzea das flores

O condutor e dono da lancha que afundou na Lagoa Várzea das Flores, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, disse em depoimento, nesta quinta-feira (9), que não estava alcoolizado na hora do acidente. A jovem Kethlin Faria Soares de 20 anos morreu.

No momento em que a lancha virou 14 pessoas estavam na embarcação. Testemunhas disseram que o condutor teria fugido do local, algo que a defesa nega. As informações são do G1.

Leia mais: Eduardo Costa é chamado de ‘rei do sertanejo’ e revolta fãs de Leonardo

A defesa do condutor também desmente que o homem teria passado a direção da embarcação. A polícia aguarda o resultado de laudos periciais, já que algumas testemunhas já foram ouvidas e outros depoimentos estão agendados.

O caso

Um grupo de pessoas, ignorando as regras de distanciamento, promoveu uma comemoração de aniversário no barco, na noite de 11 junho. No entanto, a embarcação não aguentou o peso e acabou virando.

Leia mais: Criminosos enforcam funcionária de motel até ela desmaiar

Uma denúncia anônima feita ao 181, no início da madrugada do dia seguinte, indicou que o condutor da lancha estava embriagado e com excesso de passageiros. Além disso, ele teria cedido o controle do barco a uma pessoa inabilitada, o que acabou provocando o acidente (relembre aqui).

Vitor Fórneas

Vitor Fórneas

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política.

Comentários