Home NotíciasBHHomem é preso suspeito de estuprar enteada de 12 anos em Betim

Homem é preso suspeito de estuprar enteada de 12 anos em Betim

viatura policia civil coletiva

Um homem de 30 anos foi preso pela PCMG (Polícia Civil de Minas Gerais), na última semana, suspeito de estuprar e ameaçar a enteada de 12 anos. A investigação da polícia indicou que a violência envolveu conjunção carnal e outros atos libidinosos e que o homem chegou a usar uma faca para intimidar a menina. O crime ocorreu no dia 15 de outubro do ano passado, em Betim, na Região Metropolitana de BH.

De acordo com a delegada Ariadne Elloise, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, ele deixou a mãe da menina no ponto de ônibus e, quando voltou para casa, entrou no quarto da enteada com uma faca e ameaçando matá-la caso ela gritasse. “Ele segurou a menina pelo pescoço e manteve relações sexuais com ela, usando de violência. Em determinado momento, ela conseguiu pegar a faca e atingir o rosto do padrasto. No entanto, somente depois que ele finalizou o ato sexual é que a jovem conseguiu escapar para a rua, onde chorou e gritou por ajuda”.

Leia mais: Jovem morre ao ser arremessada de Hilux em acidente na Grande BH

Fuga e ameaças de morte

Com a ajuda de uma vizinha, já que a mãe estava no trabalho, a adolescente foi encaminhada a um hospital para atendimento médico. Nesse tempo, o suspeito conseguiu fugir. Ele então passou a ameaçar de morte a ex-companheira e a enteada, caso elas não retirassem a queixa ou alterassem a versão sobre o crime com a polícia. A família chegou a mudar de endereço três vezes por medo da reação do homem.

A delegada Ariadne destacou que mãe e filha temiam por suas vidas, já que o suspeito tinha passagem policial por esfaquear um homem até a morte em 2011. Na ocasião, a vítima foi assassinada com cerca de 40 facadas e o homem foi investigado e, dois anos depois, condenado a 12 anos de reclusão por homicídio qualificado, mas estava em liberdade condicional desde janeiro do ano passado.

Leia mais: PM age rápido e salva bebê engasgado com leite da mãe

Após o segundo crime, ele foi preso na última quarta-feira (8), no bairro Laranjeiras, após duas semanas de trabalho investigativo da polícia.

Giovanna Fávero

Giovanna Fávero

Estudante de Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). Escreve com foco na área de Guia e Cultura no BHAZ.

Comentários