Home NotíciasBHPolícia Civil faz operação em BH contra irregularidades em contrato de PPP

Polícia Civil faz operação em BH contra irregularidades em contrato de PPP

carro policia civil

A Polícia Civil realizou, na manhã desta quinta-feira (16), uma operação de busca e apreensão em Belo Horizonte, na região metropolitana da capital e em cidades paulistas. A investigação envolve um contrato de parceria público-privada (PPP) entre o Governo de Minas Gerais, e empresas de gestão prisional.

Os alvos da operação são empresários e servidores públicos, como um advogado do Estado e uma auditora da CGE (Controladoria-Geral do Estado). Há suspeitas de irregularidades na execução do contrato da PPP entre o Estado e os GPA (Gestores Prisionais Associados), inclusive de superfaturamento.

Leia mais: Funcionário da Copasa é investigado por estupro de menina durante suposta visita técnica

O contrato da PPP é relativo ao sistema penitenciário de Ribeirão das Neves, na região metropolitana da capital. De acordo com a assessoria de imprensa dos GPA, o contrato foi assinado em 2009, as obras começaram em 2011 e o complexo passou a receber detentos em 2013. 

Mandados

A Polícia Civil cumpriu treze mandados de busca e apreensão em diversos endereços nesta manhã, como no Belvedere, na região Centro-Sul de BH, e em Nova Lima, no bairro Villa da Serra, na região metropolitana da capital mineira. No Belvedere, a corporação apreendeu computadores e documentos.

Leia mais: Chuvas de meteoros poderão ser vistas no Brasil este mês
Sofia Leão

Sofia Leão

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.

Comentários