Home NotíciasBrasilNova série do Fantástico mostra pessoas presas injustamente e emociona

Nova série do Fantástico mostra pessoas presas injustamente e emociona

douglas projeto inocencia fantastico

Uma nova série do Fantástico emocionou os telespectadores na noite desse domingo (26). Intitulado de Projeto Inocência, o novo quadro do programa dominical da TV Globo mostra histórias de pessoas que foram condenadas injustamente. No primeiro episódio, a história narrada foi a de Douglas de Freitas Júnior, condenado erroneamente por tráfico de drogas em 2018 e, posteriormente, inocentado.

Douglas foi preso por portar 1089 porções de cocaína e 200 de maconha. O paulista, na época com 20 anos, afirmou diversas vezes que não era dono da bolsa repleta de drogas. Nos relatos, ele estava com o avô no dia, explicou que ia visitar amigos e não levava mochila alguma consigo. Quando foi abordado, estava com uma criança no colo, filha de uma amiga.

Leia mais: Entregador humilhado vai ganhar moto nova e agressor é banido do iFood

De acordo com o jovem, a própria PM estava com a bolsa. “Ele [policial] falou assim: ‘Aqui é o Choque, você tá achando que tá falando com quem?’. Ele estava mexendo na mochila, abriu e falou: ‘Como que ia ficar na suas costas? Coloca a mochila! Quer que eu fale de novo?’. Aí deu um tiro na minha perna”, contou Douglas, que em seguida foi algemado e levado pelos policiais.

Pesadelo de quase 2 anos

Foram quase 60 dias na cadeia até Douglas que pudesse responder em liberdade. No total, o jovem cumpriu pena de 1 ano e 6 meses em regime semiaberto. “Dá uma dor no coração. Porque todo dia você tem que olhar pra uma coisa que você não fez e pagar por ela. Não é um sentimento normal”, desabafou o jovem. A mãe dele chegou a desmaiar de emoção quando foi informada que o filho havia sido inocentado pela Justiça.

Leia mais: Cãozinho deformado pela própria mãe encontra novo lar e vira ‘terapeuta’

Imagens de câmeras de segurança de um comércio local mostraram Douglas sem a mochila nas costas e com a criança no colo. As provas foram apresentadas à Justiça que, por fim, absolveu o jovem.

Ao Fantástico, a PM declarou “não ter recebido notificação da Justiça para apurar a conduta dos policiais”. A polícia ainda informou que “adotará medidas cabíveis caso seja notificada”. Veja a reportagem completa:

Nas redes sociais, famosos e anônimos se comoveram com a história de Douglas. Veja a repercussão:

Vitor Fernandes

Vitor Fernandes

Repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva da UOL.

Comentários