Home NotíciasVariedadesFelipe Neto é atacado nas redes e recebe apoio de figuras públicas

Felipe Neto é atacado nas redes e recebe apoio de figuras públicas

felipe neto youtuber

Uma “guerra” de posicionamentos contra e a favor do youtuber Felipe Neto tomou conta das redes sociais na manhã desta terça-feira (28) e divide opiniões. As publicações com as hashtags #TodosContraFelipeNeto e #FelipeNetoLixo incluem acusações de apologia à pedofilia, baseadas em tuítes falsos. Já a hashtag #JuntosComFelipeNeto é movimentada em oposição às críticas, e conta com o apoio do apresentador Luciano Huck.

O youtuber, que deixa clara a oposição ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), é atacado principalmente por perfis bolsonaristas. Felipe Neto afirma que, até o início da tarde de ontem, 416 vídeos que o associam à pedofilia e a conteúdos impróprios para crianças foram publicados nas redes sociais, mas acabaram derrubados por violação das diretrizes das plataformas.

Leia mais: Quadrinho da Marvel celebra 1º casamento homoafetivo entre heróis

Além das acusações, baseadas em publicações falsas, os perfis críticos ao youtuber afirmam que o conteúdo produzido por ele é impróprio para crianças, por incluir palavrões e piadas de conotação sexual. Por outro lado, os usuários que saem em defesa de Felipe Neto afirmam que ele “renova o debate público” e reprimem as acusações falsas feitas contra ele.

Acusações de pedofilia

Leia mais: Felipe Andreoli tatua Rafa Brites e apresentadora fica em choque

As publicações críticas ao youtuber incluem supostos tuítes que associam Felipe Neto à pedofilia. A veracidade das publicações foi verificada por agências de checagem de fatos, como a Aos Fatos e a Agência Lupa, e foi comprovado que não há indícios de que elas tenham sido publicadas por ele.

O próprio youtuber divulgou as imagens falsas e esclareceu que se tratam de montagens. “Esse post está sendo amplamente compartilhado via whatsapp, telegram, facebook, twitter e instagram. É uma mentira nojenta, que mostra até onde eles são capazes de ir para tentar arruinar a reputação de opositores”, escreveu ele no Twitter. “Quem financia isso? Quem cria a montagem? Quem está por trás das mentiras criadas intencionalmente?”, questionou Felipe Neto.

Apoio

Em oposição às críticas, a hashtag #JuntosComFelipeNeto foi levantada no Twitter para demonstrar apoio ao youtuber, contando com a participação de artistas, políticos e figuras públicas. “Covardia, bullying, desrespeito…nada disso é tolerável. Felipe Neto é voz corajosa nas redes. Goste-se ou não dele, temos de defender quem renova o debate público. Se nossa geração quer deixar como legado 1 país + afetivo e eficiente, temos de participar+. #JuntosComFelipeNeto”, escreveu Luciano Huck.

Sofia Leão

Sofia Leão

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.

Comentários