Jovem morre após ser baleada por GCM em baile funk no interior de SP

jovem morre guarda municipal
Segundo o guarda envolvido no caso, o disparo que matou a jovem foi acidental (Reprodução/Facebook)

Renato Fontes/FolhaPress

Uma jovem de 19 anos morreu após ser atingida por um tiro durante uma ação da GCM (Guarda Civil Municipal) em um baile funk em Rio Claro (176 km de SP), na madrugada deste domingo (2). Um homem de 29 anos também foi ferido e permanece internado, mas seu estado de saúde não foi divulgado. Segundo o guarda envolvido no caso, o disparo foi acidental.

De acordo com a SSP (Secretaria de Segurança Pública), equipes da GCM foram acionadas para conter um um baile funk que acontecia em uma rua do Jardim Panorama. No endereço, os agentes tentaram dispersar a multidão.

Segundo o boletim de ocorrência, os agentes disseram que cerca de 40 pessoas começaram a quebrar garrafas e atirar pedras contra a equipe. Nesse momento, um guarda, de 51 anos, tentou carregar a arma com munições de borracha, porém disparou acidentalmente e atingiu Gabrielli Mendes, 19 anos, que foi socorrida à Santa Casa da cidade, onde morreu. Já o homem, de 29 anos, também foi atingido e permanece internado.

O GCM envolvido na ocorrência foi preso em flagrante e teve sua arma apreendida. O caso foi registrado pelo plantão da Delegacia Seccional de Rio Claro como homicídio culposo e lesão corporal culposa.

A reportagem tentou contato com a Prefeitura de Rio Claro na tarde deste domingo (2), mas ninguém foi encontrado para se manifestar sobre o caso até a publicação.

Folhapress
Folhapress

A Folhapress é a agência de notícias do Grupo Folha, uma das mais tradicionais do país. Comercializa e distribui diariamente fotos, textos, colunas, ilustrações e infográficos.