VÍDEO: Prefeito de São João del-Rei diz que reabrirá até prostíbulos

prefeito sao joao del-rei nivaldo
Prefeito Nivaldo de Andrade (PSL) durante entrevista coletiva sobre flexibilização do comércio (Reprodução/YouTube)

O prefeito de São João del-Rei, na região Central de Minas, informou que a cidade reabrirá tudo, até prostíbulos, em nova onda de flexibilização do comércio na cidade. A declaração polêmica de Nivaldo de Andrade (PSL) foi durante uma entrevista coletiva, na última semana. Contudo, o político afirma que respeitará as medidas do Minas Consciente para evitar problemas judiciais.

As medidas de reabertura começaram a valer no último sábado (1º), às 9h. “Pra mim, pode falar uma coisa? Eu quero que abra tudo, eu quero que abra do comércio à Casa da Luz Azul [local de prostituição conhecido como Casa da Luz Vermelha]. Agora, vou acompanhar o Minas Consciente e só vou abrir com responsabilidade, mas eu quero abrir tudo, motel, igreja, loja, tudo que existe e tem CNPJ”, afirmou.

Ele continuou e disse que a reabertura é necessária e justa com os que ainda estavam fechados. “O motel tem CNPJ, a ‘casa azul’ tem, a igreja tem… Eu sou prefeito de todos. Tudo que paga imposto e tem CNPJ pode abrir, mas tudo com responsabilidade, segurança e preservando as vidas”, comentou o prefeito.

‘Cidade com mais respiradores’

Ainda durante o anúncio da flexibilização dos setores no município, o político ressaltou que a cidade é a que tem mais respiradores no Brasil, de forma proporcional à população. Desde o início da pandemia, segundo o prefeito, foram 40 equipamentos recondicionados comprados. “Estou há quatro meses viajando para comprar respirador, a R$ 15 mil, R$ 25 mil. Tem governador sendo intimado pela Polícia Federal e que pagou R$ 300 mil em cada”, desabafou.

O prefeito ainda disse que tem grandes chances da cidade reabrir, nos próximos 30 dias, locais como igrejas e academias, por conta da “estabilização” de casos. Ele completou afirmando que enviou um projeto de lei para a Câmara Municipal que multará em R$ 1 mil os comerciantes que autorizarem a entrada de clientes sem máscaras de proteção. “Não vamos abrir ao deus-dará, mas com responsabilidade e segurança”.

De acordo com último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, o município confirmou 422 casos da Covid-19, além de 11 mortes pela doença. Do total dos que ainda estão doentes, 71 seguem em isolamento domiciliar, e nove estão em hospitais da cidade.

Vitor Fernandes
Vitor Fernandesvitor.fernandes@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva da UOL.