Casal que fez saudação nazista e ameaças racistas é preso nos EUA

casal ofensas racistas eua
O casal foi preso por vandalismo e crime de ódio (Reprodução/Twitter)

Um homem e uma mulher norte-americanos foram presos após ameaçarem outro casal, fazendo saudações nazistas e gritando ofensas racistas. Gregory e Rachel Howell, ambos de 29 anos, foram filmados saindo de um carro para ofender o casal, na cidade de Torrance, na Califórnia. Eles foram presos por crime de ódio e vandalismo na última sexta-feira (31).

As vítimas do crime, Itzel Lopez e o namorado, que é negro, estavam parados no sinal vermelho quando Gregory e Rachel saíram de uma caminhonete, se dirigindo a eles. “Só vidas brancas importam”, gritou a mulher, enquanto mostrava o dedo do meio. O homem fez uma saudação nazista e gritou “poder branco”.

Gregory ainda pegou uma pá e bateu com ela no carro do casal negro, enquanto o namorado de Itzel tentava acelerar o carro para sair do local e ela filmava as agressões. A vítima publicou o vídeo nas redes sociais e contou que eles foram perseguidos e assediados por vários quilômetros antes do casal descer do carro e começar a atacá-los.

“Nós simplesmente ficamos em choque. Não sabíamos o que estava acontecendo. Nunca pensei que passaria por isso na minha vida. É muito assustador. Eles nem conhecem você, e estão dispostos a te machucar”, contou Itzel Lopez à emissora KTLA.

Depois que conseguiram fugir dos agressores, os dois encontraram o carro deles na frente de uma cafeteria e anotaram a placa do veículo. No dia seguinte, 23 de julho, eles denunciaram o ocorrido no Departamento de Polícia de Torrance, que investigou o caso e prendeu o casal na última sexta.

Sofia Leão
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Escreve com foco na editoria de Esportes no BHAZ.